Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após dois dias, Chris Brown tem permissão para deixar as Filipinas

Cantor americano foi retido no país por quebra de contrato de um show

O cantor americano Chris Brown recebeu nesta sexta-feira sinal verde para deixar as Filipinas, onde estava retido desde quarta devido a uma ação por descumprimento de contrato no país. Segundo a emissora local GMA, Brown obteve a autorização do Departamento de Imigração das Filipinas, e deve deixar Manila em seu avião particular ainda hoje.

“A Permissão de Imigração foi expedida por volta das 16h30 (5h30 de Brasília) após a verificação de que Chris Brown não tem nenhum outro caso pendente no país”, confirmou a porta-voz do Serviço de Imigração das Filipinas, Elaine Tan.

Leia também:

Justiça das Filipinas proíbe Chris Brown de sair do país

Chris Brown diz que prisão o ajudou a amadurecer

Troglodita Chris Brown, quem diria, sai em defesa dos gays

O artista de 26 anos deveria ter deixado as Filipinas para Hong Kong na quarta-feira, após um show na véspera em Manila. As autoridades filipinas impediram, no entanto, sua saída por uma denúncia de uma organização religiosa, que o acusa de quebra de contrato. O cantor teria cancelado um evento organizado pelo grupo para o Ano Novo de 2014, poucas horas antes após alegar que tinha perdido seu passaporte.

Segundo os denunciantes, Brown recebeu 1 milhão de dólares para participar do evento de 31 de dezembro, mas nunca devolveu o valor, apesar de vários pedidos. Embora Brown não tenha sido detido em nenhum momento pela polícia das Filipinas, as autoridades exigiram que solicitasse uma permissão para deixar o arquipélago asiático.

“Esta é uma situação muito séria, alguém tem que ser responsabilizado por misturar meu nome com tudo isto. Não fiz nada de errado”, comentou ontem Brown em sua conta no Twitter.

(Da redação)