Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Stanford é a melhor universidade americana em ranking da ‘Forbes’. Confira top 10

Princeton fica em 3º; Harvard, em 8º. Foram avaliadas 650 instituições

A revista americana Forbes publicou no fim da semana passada uma lista com as cem melhores universidades dos Estados Unidos de 2013, feita em parceira com o Center for College Affordability and Productivity (CCAP), núcleo independente de pesquisas voltado ao ensino superior. Pela primeira vez em seis edições do America’s Top Colleges, como é conhecido o levantamento, as duas primeiras posições foram ocupadas por instituições da Califórnia: Stanford e Pomona, respectivamente. A Universidade Princeton aparece em terceiro, enquanto Harvard, que figurou no 6º lugar em 2012, caiu para 8º. Foram avaliadas 650 universidades (confira a lista com as dez primeiras colocadas).

Leia támbém:

Revista ‘Forbes’ aponta as graduações mais valiosas

As carreiras mais promissoras para os próximos dez anos

As dez carreiras com maior perda salarial no Brasil

As dez carreiras de nível superior com maior expansão de vagas no Brasil

Além de ter duas escolas no top 3 do ranking, a Costa Oeste americana também se saiu melhor no quesito educação pública. A Universidade da Califórnia, em Berkeley, foi considerada a melhor instituição estadual de ensino superior, ocupando a 22ª posição da lista.

Os organizadores do prêmio destacaram ainda o bom desempenho da chamada Ivy League – grupo que reúne as universidades privadas Harvard, Pensilvânia, Princeton, Columbia, Yale, Brown, Cornell e Darthmouth, todas localizadas no Nordeste dos Estados Unidos. Apesar de não liderar o ranking, o grupo ficou dentro do top 20, com Princeton, Yale e Columbia em 3º, 4º e 5º lugares, respectivamente. Cornell foi a que apresentou o melhor salto: da 51ª posição, em 2012, para a 19ª, em 2013.

Para construir o ranking, Forbes e CCAP analisam fatores como taxa de satisfação dos estudantes com as aulas, inserção no mercado de trabalho após a graduação, dívida adquirida para pagar mensalidades, prêmios conquistados pelos estudantes das faculdades e porcentagem de alunos no prazo estipulado pelo curso.