Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Senado aprova mais disciplinas para educação básica

Projeto de lei prevê inclusão de cidadania moral e ética e ética social e política nos já inchados currículos dos ciclos fundamental e médio de ensino

Por Da Redação 15 nov 2012, 13h09

Um projeto de lei aprovado na quarta-feira pelo Senado prevê a inclusão de disciplinas de cidadania moral e ética e ética social e política nos currículos dos níveis fundamental e médio de ensino. O texto, de autoria do senador Sergio Souza (PMDB-PR), propõe alteração na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e segue para análise na Câmara dos Deputados.

Leia também:

Ensino médio brasileiro precisa entrar no século XXI

Novo currículo do ensino médio deve ser inspirado no Enem

Ideb cai em nove estados no ensino médio

37% das cidades não atingem metas do Ideb 2011

Souza justifica a proposta sustentando que é preciso “resgatar valores éticos e morais” na formação dos cidadãos. Opinião semelhante foi usada pelo relator da matéria, senador Cristovam Buarque (PDT-DF), que defendeu o projeto argumentando que há um “esvaziamento ético no país” e uma “crise de valores humanos”.

Continua após a publicidade

A inclusão de mais duas disciplinas na grade curricular vai na contramão do que defende o Ministério da Educação (MEC) para o ensino médio, por exemplo. O ciclo já conta com 13 disciplinas obrigatórias, o que é considerado excessivo por especialistas da área. O próprio ministro da Educação, Aloizio Mercadante, já afirmou que o “currículo sobrecarregadado não contribui para o aluno focar nas disciplinas tradicionais”.

Em agosto, após o ensino médio atingir 3,7 pontos (em uma escala de 0 a 10) no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, o MEC esboçou propostas de mudança para essa etapa. A principal delas seria uma reorganização curricular inspirada no Enem, que organiza o conteúdo em quatro grandes grupos: linguagens, matemática, ciências humanas e ciências da natureza.

Leia também:

Ensino médio brasileiro precisa entrar no século XXI

Novo currículo do ensino médio deve ser inspirado no Enem

Ideb cai em nove estados no ensino médio

37% das cidades não atingem metas do Ideb 2011

Continua após a publicidade
Publicidade