Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Enem 2012: escolas ‘top’ de SP cobram mensalidade mínima de 1.345 reais

Primeiro colocado no ranking, colégio Vértice cobrará 3.854 reais em 2014

As dez primeiras posições no ranking do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012 na cidade de São Paulo foram ocupadas por colégios particulares, segundo dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) na terça-feira. Estudar nessas instituições, no entanto, não é nada fácil e nem barato. Em 2014, quem quiser frequentar alguma das “top” do Enem deverá desembolsar a quantia mínima de 1.345 reais. Este é o preço que o colégio Agostiniano Mendel – 9º colocado na avaliação federal dentre as escolas da capital paulista – cobrará de mensalidade para o 3º ano do ensino médio. Considerando as 10 primeiras colocadas, o preço médio da mensalidade para o próximo ano letivo será de 2.663 reais.

Leia também:

Enem 2012 repete 2011: poucas escolas públicas na elite (ranking completo)

90% das escolas estaduais ficam abaixo da média no Enem 2012

A escola mais cara é a primeira no ranking: o colégio Vértice, na zona sul, com mensalidade de 3.854 reais. Em seguida, estão os colégios Santo Américo, 5º colocado na lista do MEC, cuja mensalidade será de 3.382 reais, e o Palmares (7º no ranking), com 3.178 reais. Depois, aparece o 2º lugar no ranking: o colégio Móbile, na zona sul, que cobrará 2.750 mensais.

Embora haja uma variação de 186% no preço de suas mensalidades, o perfil das escolas “top” no Enem é semelhante. As cinco primeiras têm aulas em período integral ou atividades complementares à tarde. O Vértice, por exemplo, oferece aulas preparatórias para os principais vestibulares, além de simulados e acompanhamento vocacional.

A seleção de alunos para tais instituições é feita a dedo: as cinco primeiras no ranking aplicam provas e fazem entrevistas para escolher os ingressantes.

(Com Estadão Conteúdo)