Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Inflação acelera 0,4% nos Estados Unidos em maio

Segundo dados do Departamento do Trabalho do país, preços de alimentos registraram maior aumento desde agosto de 2011

O Índice de Preços ao Consumidor dos Estados Unidos subiu 0,4% em maio, com o aumento dos preços de serviços e de alimentos. De acordo com o Departamento do Trabalho, os preços dos alimentos registraram a maior alta desde agosto de 2011, conforme dados divulgados nesta terça-feira.

A aceleração do aumento dos preços deve dar conforto às autoridades do Federal Reserve (Fed, o Banco Central americano) que estão preocupadas com uma taxa de inflação muito baixa – a meta do governo é 2%. Preços baixos sinalizam demanda menor e, consequentemente, crescimento econômico menos robusto.

Nesta terça-feira, autoridades do Fed iniciam sua reunião mensal de dois dias. A expectativa é que a entidade reduza ainda mais seu programa de estímulos monetários, mas mantenha a taxa de juros próxima a zero até meados de 2015.

Leia mais:

Fed: Economia americana está acelerando

Fed inicia debate sobre retirada de estímulos à economia

Para Yellen, economia norte-americana ainda precisa de estímulos

Construção – Ainda nesta terça-feira, um relatório do Departamento do Comércio mostrou que a construção de novas moradias nos EUA caiu 6,5% em maio, para 1 milhão de unidades, segundo dados ajustados sazonalmente. Isso indica que a recuperação do mercado imobiliário norte-americano segue lenta.

Leia também:

Expansão do setor industrial dos EUA acelera em maio

Economia dos EUA recua 1% no 1º trimestre

(com agência Reuters)