Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Veja Essa: as declarações que se destacaram na semana

As frases que deram o que falar

Por Lizia Bydlowski Atualizado em 7 jan 2021, 19h18 - Publicado em 8 jan 2021, 06h00

“(As metas) não foram cumpridas em quase todas as áreas. (O país) não pode repetir as dolorosas lições.”
KIM JONG-UN, infalível líder da Coreia do Norte, em rara admissão de erros na condução do país, sobretudo na área econômica

“Não sou cientista, não sou médica para avaliar como se contamina na água salgada, se contamina.”
RAQUEL CHINI, recém-empossada prefeita (PSDB) de Praia Grande, fincando os dois pés em cima do muro diante da aquática confraternização de Jair Bolsonaro com banhistas em sua cidade

“O Brasil está quebrado, não consigo fazer nada.(…) Teve esse vírus potencializado pela mídia.”
JAIR BOLSONARO, presidente, se sentindo coitadinho

“Os números oficiais (…) mostram que o vírus a que se refere o presidente está se espalhando a taxas maiores desde dezembro.”
WILLIAM BONNER, âncora do Jornal Nacional, rebatendo a crítica à imprensa. De quebra, na frase seguinte pronunciou um “cidadões”, erro crasso cometido por membros do governo. Corrigiu-se imediatamente

“(A vacina é) fabricada sem utilização de material suíno.”
SINOVAC, laboratório chinês, tentando tranquilizar os milhões de muçulmanos da Indonésia, temerosos de infringir as leis religiosas ao tomar o imunizante

“1. Compre um sorvete. 2) Pendure a máscara no pescoço ou na orelha, para afetar elevação moral. 3) Caminhe naturalmente.”
LUDMILA GRILLO, juíza de Minas Gerais, ensinando no Twitter como andar pelo shopping com o rosto descoberto. Ela também divulgou a hashtag #AglomeraBrasil. A postagem — e as críticas — viralizou

Continua após a publicidade

“A Austrália como nação moderna é relativamente nova, mas nossa história é muito antiga.”
SCOTT MORRISON, primeiro-ministro australiano, justificando a mudança em um verso do Hino Nacional para incluir os aborígenes. Sai “Somos jovens e livres”, entra “Somos um só e livres”

“Há uma diferença entre esconder e erguer barreiras.”
HILARIA BALDWIN, nascida Hillary, em Boston, mulher do ator Alec Baldwin, que durante anos se fez passar por espanhola. Desmascarada, agora diz que não desfez a impressão errada para preservar a vida pessoal

LUCIANA GIMENEZ
LUCIANA GIMENEZ – Reprodução/Instagram

“Me acho feia e sempre tive problemas de autoestima.”
LUCIANA GIMENEZ, apresentadora, em fantástica forma aos 51 anos. Supera, Luciana

“Uma onda em cima de uma onda.”
GAVIN NEWSOM, governador da Califórnia, descrevendo a trágica situação da pandemia no estado, onde uma pessoa se contamina a cada seis segundos e uma morre a cada dez minutos

“Toda vez que vê uma poça, quer pular nela.”
CARDI B, rapper, furiosa com o efeito do desenho infantil Peppa Pig nas maneiras da filha de 2 anos, Kulture

Publicado em VEJA de 13 de janeiro de 2021, edição nº 2720

Continua após a publicidade
Publicidade