Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Retiro mantém bazar de Renato Russo após briga entre família do cantor

Mãe e irmã mais velha do artista criticaram doação feita pelo filho de Renato, Giuliano Manfredini

Por Lucas Almeida Atualizado em 4 abr 2018, 15h38 - Publicado em 4 abr 2018, 15h31

Apesar de a mãe e a irmã de Renato Russo criticarem a doação de mais de 200 itens do cantor para o Retiro dos Artistas, o bazar que venderá os pertences do líder da Legião Urbana está de pé. O evento acontece a partir do meio-dia, no asilo, que fica no Rio de Janeiro. Em entrevista a VEJA, a administradora do Retiro, Cida Cabral, rebate as criticas da família e defende a iniciativa do filho de Renato, Giuliano Manfredini.

Segundo a administradora do Retiro, Cida Cabral, Giuliano procurou a instituição em novembro para oferecer pertences do pai. Antes disso, mais de 3000 objetos de Russo já haviam sido retirados do apartamento do cantor em Ipanema e levados para o acervo da exposição realizada pelo Museu da Imagem e do Som. A mostra ficou em cartaz de setembro a fevereiro no MIS de São Paulo.

“O Giuliano nos procurou para doar coisas do dia a dia do Renato, como pijamas, camisetas, livros e LPs. Na época, ele contou ser um admirador do trabalho que fazemos para a classe artística”, conta Cida, que ficou surpresa com as discussões entre a família do cantor. “Todo o legado artístico e intelectual está preservado no acervo do MIS”, defende.

O Retiro dos Artistas, que hoje abriga 50 pessoas, vive de doações e trabalho voluntário. O local conta com um bazar, que funciona de segunda a sábado. “Gostaria que as famílias de outros artistas tivessem iniciativas como a do Giuliano. Nas nossas redes sociais, sempre precisamos fazer campanhas para receber café, açúcar e sabonete. O que nós ganhamos com alguns eventos no ano dá parar suprir as necessidades do dia a dia”, afirma Cida. 

A administradora conta que a maior parte dos itens doados de Renato são LPs e CDs de artistas que o músico gostava de ouvir. Ainda há alguns objetos de decoração e móveis. Os funcionários do Retiro estão catalogando os objetos, que serão vendidos com valores entre 100 e 5.000 reais.

Essa é a primeira vez que o Retiro dos Artistas realiza um bazar desse porte em cem anos de existência no bairro de Jacarepaguá. No entanto, o local está acostumado a receber a doação de nomes como Raul Gil, Claudia Raia, Susana Vieira e Ana Botafogo.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)