Clique e assine com até 92% de desconto

Quatro escadarias que ficaram célebres na história do cinema

De 'Coringa' a 'Titanic'

Por Da Redação Atualizado em 25 out 2019, 10h36 - Publicado em 25 out 2019, 07h00

Coringa
Um ponto turístico inusitado surgiu no bairro do Bronx, em Nova York. O que vem atraindo o interesse de muitos visitantes é uma escadaria que fica escondida entre dois pequenos edifícios. Fãs do mundo inteiro aparecem por ali atualmente para tirar fotos e gravar vídeos. O motivo da notoriedade: o lugar serviu de locação para uma das cenas mais famosas do filme Coringa, estrelado por Joaquin Phoenix.

Rocky Balboa
O boxeador Rocky, interpretado por um jovem Sylvester Stallone, sobe e desce sem parar a escadaria como parte da preparação para a grande luta de sua vida. A estrutura de 72 degraus de pedra leva até a entrada do Museu de Arte da Filadélfia, nos Estados Unidos. Turistas frequentam o local para imitar o treinamento e para fazer fotos com uma estátua de bronze de Rocky, colocada ali para a gravação do terceiro filme da série.

Os Intocáveis
Um dos momentos mais importantes e impactantes do longa-metragem de Brian De Palma é um tiroteio em uma escadaria. Em meio à briga, enquanto mocinhos e bandidos trocam tiros, um carrinho de bebê despenca degrau por degrau. A escada usada nas filmagens fica na Union Station, em Chicago.

Titanic
A imponente escadaria do navio é uma locação importante na trama de James Cameron. Ali, Rose (Kate Winslet) e Jack (Leonardo DiCaprio) começam a assumir o romance. Feita de carvalho, a estrutura não sobreviveu ao naufrágio. A réplica chegou a quebrar durante a inundação do set, na gravação das cenas finais.

Publicado em VEJA de 30 de outubro de 2019, edição nº 2658

Continua após a publicidade
Publicidade