Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Perseguidor de Taylor Swift é internado em hospital psiquiátrico

Mohammed Jaffar, de 29 anos, foi enviado à instituição após ser considerado mentalmente inapto para um julgamento

Por Da redação 26 set 2017, 10h49

Mohammed Jaffar, que é acusado de perseguir a cantora Taylor Swift, foi internado em um hospital psiquiátrico, após ser considerado mentalmente inapto para julgamento, por um médico do tribunal americano. O homem de 29 anos foi mandado para uma instituição em Nova York, onde ficará em custódia até novas avaliações mentais.

  • De acordo com o jornal britânico The Guardian, Jaffar foi acusado de incomodar a empresa de gestão de Taylor com ligações telefônicas – foram mais de 60 em um período de duas semanas em fevereiro de 2017. Depois disso, o homem ainda entrou no prédio da cantora na área de Tribeca, em Nova York, onde tocou a campainha repetidas vezes. Em março deste ano, foi preso pela polícia e recebeu uma ordem de restrição. 

    No Twitter, Jaffar já postou fotos de doces que planejava entregar para Swift. “Algo que o porteiro nos impede de compartilhar”, escreveu na legenda. Em um poema destinado à cantora, afirma: “Não há nada que eu ame mais do que você.”

    Publicidade