Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Na casa do BBB, a luta pela sobrevivência das ‘espécies’

Brothers combatem o isolamento adotando comportamentos de bando, como no reino animal. Conheça as panelinhas que se formaram na casa do 'BBB 13'

Por Emylinn Lobo, do Rio de Janeiro 24 jan 2013, 17h57

O caminho mais rápido para uma indicação para o paredão do BBB é o isolamento. E já na primeira semana foi o fato de estar “isolado do grupo” o que motivou a indicação do professor Ivan, feita pela ex-policial Anamara. Para não ficar sozinhos, os BBBs se agrupam como podem, e não importa muito se o ‘grande amigo’ dentro da casa vai ser alguém com quem o participante tem de fato afinidade.

Leia também:

Leia também: A vingança dos novatos no ‘BBB 13’

O resultado curioso dessa busca pelo entrosamento é a criação de alguns grupos de comportamento semelhante. Como se, a exemplo do mundo animal, os BBBs tivessem um instinto que os preserva de ficar à mercê de grupos de predadores. O que todos logo descobrirão é que, tão perigoso quando o isolamento, é a perda de personalidade na casa. Afinal, Ivan, o participante que não se enquadra muito bem em qualquer dos grupos da casa conseguiu se safar da eliminação, já conquistou uma liderança e se mostra competitivo. A lei da selva também valoriza a inteligência, portanto.

Continua após a publicidade
Publicidade