Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ex-âncora vai receber US$ 20 milhões da Fox por assédio sexual

Além do montante, antiga apresentadora do 'Fox News' ganhou um pedido de desculpas da emissora; ela acusa o ex-CEO do canal, Roger Ailes, de assédio sexual

Por Da redação Atualizado em 6 set 2016, 12h43 - Publicado em 6 set 2016, 12h32

Dois meses após denunciar o ex-CEO da Fox, Roger Ailes, por assédio sexual, a antiga âncora Gretchen Carlson viu a Justiça a seu favor. Decisão determina que a Fox pague à jornalista indenização de cerca de 20 milhões de dólares. Em nota publicada em seu site, a emissora não apenas acata a resolução como também pede desculpas a Gretchen. Ailes, que se afastou do comando do grupo vinte dias após a denúncia, que ele nega, segue longe do canal.

LEIA TAMBÉM
Fox News negocia saída de executivo acusado de assédio sexual
CEO da Fox News se demite após denúncias de assédio sexual

O processo movido por Gretchen inspirou uma onda de denúncias de assédio sexual nos Estados Unidos. Em julho, a apresentadora afirmou que foi demitida dias após barrar as investidas de Ailes e reclamar de tratamento machista na Fox. Segundo a mesma, o chefe a encarava de forma lasciva, chegou a chamá-la de “sexy” e fazia comentários de teor sexual sobre sua aparência.

 

Continua após a publicidade
Publicidade