Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Eliminação baixa crista de Caruso, pero no mucho: ‘Tenho luz própria’

Em conversa com Ana Maria Braga, paulistano compara o paredão de que participou com o Super Bowl, a final do campeonato de futebol americano nos EUA

Por Redação Atualizado em 28 mar 2018, 10h37 - Publicado em 28 mar 2018, 10h33

O “mutcho lôco” Caruso, como o próprio se define, viu seu mundo estremecer ao deixar o Big Brother Brasil 18. O publicitário paulistano, que se julgava forte, percebeu que estava muito longe dos favoritos do público, Kaysar e Família Lima, seus concorrentes no paredão triplo que comparou ao Super Bowl, a final da Liga de Futebol Americano dos Estados Unidos, e à final da Taça Libertadores em conversa com Ana Maria Braga, na manhã desta quarta-feira. Ainda assim, Caruso não saiu do confinamento com as sandálias da humildade, digamos.

“Eu trago comigo uma luz própria, mas que ainda é uma chama”, disse o ogro do BBB18 a NaMaria, em um bate-papo em que reavaliou sua posição no gosto do público do reality show da Globo – e no mundo. “Eu estou com 35 anos e achava que estava na crista da onda, que tinha controle de tudo. E lá dentro eu vi que não tenho controle de nada”, falou, ao avaliar suas estratégias de jogo e seu comportamento na casa do Projac. O Mais Você chegou a exibir o vídeo de uma querela do paulistano com a carioca Ana Clara, a quem ele recomenda humildade. A discussão vira um bate-boca.

  • “Eu podia ter evitado isso”, ponderou Caruso, que culpou o estresse do confinamento pelas atitudes que considera equivocadas. “Eu tenho 1,86m de altura, e tenho energia de sobra. Estou acostumado a praticar muay thai, futebol americano, que são esportes que extravasam minha energia. Lá dentro, eu não consegui nenhum jeito de colocar essa energia para fora. E aquele autrocontrole que eu achei que tinha, eu perdi”, disse. “A gente acha que tem um autoconhecimento muito grande, mas lá dentro é testado de verdade.”

    Sobre o desfecho do BBB18, Caruso diz ter percebido, com a sua eliminação com mais de80% dos votos, que a vitória vai ser difícil para o amigo Viegas. “Vendo esse panorama da minha eliminação, acho que vai ser muito difícil para o Viegas continuar no jogo”. “Eu não tive nem um terço da força da Família Lima e do Kaysar no paredão.”

    O paulistano ainda desdenhou das meninas do confinamento – “valorizo conteúdo e nenhuma delas me atraiu” – e do sírio, um dos favoritos ao prêmio de 1,5 milhão de reais ao lado dos Lima e da acreana Gleice. “Louro, você tem um concorrente lá dentro”, disse ao papagaio de NaMaria. “Kaysar. O pirata.”

  •  

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade