Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

‘Dunkirk’: Christopher Nolan explica como gravou cenas em aviões

Primeiro filme de guerra do diretor utilizou modelos de aeronaves da época para filmagens no ar

Por Da Redação Atualizado em 20 jul 2017, 11h17 - Publicado em 20 jul 2017, 11h12

Christopher Nolan já é reconhecido por dirigir grandes produções como Amnésia (2000) e A Origem (2010) e estreia agora o seu primeiro filme de guerra. Dunkirk mostra a história dos 400 000 soldados das tropas aliadas que tiveram que ser evacuados durante a Segunda Guerra Mundial, devido ao rápido avanço da Alemanha sobre a França. A proteção desses homens foi feita via aérea e, no vídeo obtido em primeira mão por VEJA, a equipe do filme explica como foram realizadas as gravações.

  • O diretor explica que tinha o objetivo de “colocar o público” no assento dos pequenos aviões de caça britânicos chamados de spitfire. A produção, que usou modelos iguais aos da guerra, sobrevoou a praia de Dunkirk para as cenas serem o mais reais possíveis. “Nós nos focamos muito nisso, como sendo um dos aspectos mais importantes do filme”, afirmou Nolan.

    O longa-metragem, que conta com Harry Styles, Tom Hardy e Mark Rylance no elenco, estreia no próximo dia 27 no Brasil.

    Publicidade