Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Corpo de Walmor Chagas será cremado

Ator de 82 anos foi encontrado morto na última sexta-feira em seu sítio no interior de São Paulo

Por Da Redação 19 jan 2013, 08h34

O corpo do ator Walmor Chagas foi liberado pelo Instituto Médico Legal (IML) de Guaratinguetá, no interior de São Paulo, e seguiu para a sede da funerária São Benedito, em Taubaté, onde será preparado para a cremação. Segundo a funerária, o corpo será transportado na manhã deste sábado para o Cemitério e Crematório Parque das Flores, em São José dos Campos, onde será velado.

A família do ator ainda aguarda a autorização da Justiça para definir a data e horário da cremação. O delegado da Seccional da Polícia Civil de Guaratinguetá, Adilson Marcondes, afirmou ao site de VEJA que autorizará o procedimento ainda nesta manhã. “A liberação para a cremação deve sair ainda hoje, depois que houver autorização da polícia e do juiz responsável pelo plantão judicial”, afirmou. Segundo o delegado, a investigação sobre a causa da morte do ator ainda está em curso, mas a hipótese de que ele tenha tirado a própria vida é a mais provável. “Tudo indica que houve suicídio”, afirmou Marcondes.

Aos 82 anos, Walmor Chagas morreu na última sexta-feira em seu sítio, em Guaratinguetá. O corpo do ator foi encontrado pelo caseiro José Arteiro de Almeida. Segundo o boletim policial registrado às 18 horas de sexta-feira, Almeida se dirigiu à sede do sítio após aparar a grama do jardim e encontrou o ator sentado com a arma no colo e um tiro na cabeça. O caseiro informou ainda que não ouviu barulho de disparo, mas desconfiava que pudesse ser suicídio.

Leia também:

Leia também: “Walmor estava quase cego”, diz diretor de filme inédito com o ator

De acordo com Wagner Antônio Miguel, cuidador de Chagas, o ator estava bem na quinta-feira e havia ido a São Paulo no começo da semana para fazer exames e retornou na quarta-feira. Segundo ele, o ator apresentava problemas no coração, diabetes e gastrite.

Chagas fez sua carreira principalmente no teatro — era considerado um dos grandes brasileiros nessa arte. Ele também atuou no cinema e na televisão. Ao lado de Eva Wilma, o ator estreou no cinema em São Paulo Sociedade Anônima (1965), de Luís Sérgio Person, interpretando Carlos, um jovem da classe média.

Na televisão, Chagas fez personagens marcantes como o Fábio em Locomotivas, Alberto Karany em Coração Alado, Horácio Ragner em Eu Prometo, Oliva em Vereda Tropical, Afonso da Maia em Os Maias, Guilherme Amarante Paes em Salsa e Merengue e o Dr. Salvatore em A Favorita, seu último trabalho na Globo, em 2008. Em 1992, ele apresentou o programa Você Decide.

Walmor Chagas era viúvo da atriz Cacilda Becker, com quem teve uma filha, Maria Clara Becker Chagas.

Continua após a publicidade
Publicidade