Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Corpo de Bobbi Kristina passará por autópsia

Filha de Whitney Houston, Bobbi, 22, estava internada desde 31 de janeiro, quando foi encontrada inconsciente na banheira de sua casa; ela morreu neste domingo

Por Da Redação 27 jul 2015, 13h51

A morte de Bobbi Kristina, filha da cantora Whitney Houston com o rapper Bobby Brown, neste domingo, será investigada por legistas. A informação foi dada pelo Fulton County Medical Examiner, instituto legista de Geórgia, em comunicado à imprensa americana. A morte, para a instituição, teve causa não natural. “Apesar do longo intervalo entre a terem encontrado desacordada e sua morte, será necessário uma autópsia para avaliar as possíveis causas da morte ou fatores que contribuíram para isso”, diz o texto, replicado pela revista People. Bobbi Kristina foi encontrada inconsciente na banheira de sua casa em Atlanta, Geórgia (EUA), em janeiro deste ano.

LEIA TAMBÉM:

Filha de Whitney Houston, Bobbi Kristina, morre aos 22 anos

Bobbi Kristina tem fortuna avaliada em US$ 20 milhões

Pai reluta em desligar aparelhos de Bobbi Kristina

Segundo o instituto, o tempo entre o incidente de janeiro e a morte de Bobbi irá dificultar a reconstrução dos eventos que a deixaram inconsciente: “A interpretação da autópsia e de outras informações será um desafio, mas poderá colaborar para desvendar a acusa de ela estar desacordada e sua morte”.

De acordo com o documento, o departamento de polícia de Roswell irá “continuar com as investigações sobre as circunstâncias e o contexto do primeiro incidente que levou à morte dela”. À época, testemunhas afirmaram que ouviram Bobbi e o namorado, Nick Gordon, discutindo na casa dela no dia em que a encontraram desacordada na banheira. A família da garota o processa por agredi-la – ela foi encontrada sem um dente -, roubo e fraude. Ele é acusado de ter sacado 11 000 dólares da conta de Bobbi após ela ter sido levada ao hospital.

Continua após a publicidade
Publicidade