Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Anabolizantes podem ter prejudicado saúde de Netinho, dizem médicos

O cantor de axé baiano está internado no Hospital Sírio-Libanês desde sexta-feira, quando foi transferido de uma unidade médica em Salvador

Por Da Redação 13 Maio 2013, 11h02

O uso de anabolizantes e medicamentos usados para o fisiculturismo podem ter prejudicado a saúde do cantor de axé Netinho, segundo os médicos do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Ele está internado no local desde a última sexta-feira.

LEIA TAMBÉM:

LEIA TAMBÉM: Cantor Netinho é internado em São Paulo

Ao programa Fantástico, da TV Globo, Jorge Bastos, cirurgião do cantor, afirmou que Netinho tem “prescrições médicas, de médicos fora da Bahia” de medicamentos desse tipo. Segundo ele, é provável que o cantor tenha usado remédios para estimular o crescimento muscular, como hormônios anabolizantes, e também para deter o envelhecimento.

Na sexta-feira, Netinho foi transferido do Hospital Aliança, em Salvador, para o Hospital Sírio-Libanês. O cantor havia sentido dores na coxa durante uma atividade física em 18 de abril, e foi diagnosticado com uma inflamação muscular, sendo liberado em seguida. Dias depois, porém, as dores passaram para a região abdominal. Foram encontrados cistos de um tumor benigno no fígado do cantor, e ele fez uma cirurgia. Uma hemorragia no fígado o manteve em tratamento intensivo, e na segunda-feira passada ele foi submetido a uma drenagem para remover o abcesso que apareceu no órgão.

https://youtube.com/watch?v=kO-SsB5DYi8

Menina

Música do primeiro disco solo, Um Beijo pra Você, de 1993. A canção estourou em todo o país depois de entrar para a trilha da novela Tropicaliente, da Globo. “Menina, que um dia eu conheci criança  / Me aparece assim de repente / Linda, virou mulher / Te carreguei no colo, menina / Cantei pra ti dormir” eram versos que tocavam sem parar nas rádios.

A Vida É Festa

Faixa do disco Aconteceu, Axé Music, da Banda Beijo, lançado em 1992. No ano seguinte, a música estaria no remake da novela Mulheres Apaixonadas, na Rede Globo.

Me Abraça

Continua após a publicidade

“Quando você passa eu sinto o seu cheiro” poderia ser slogan de perfume, mas são os versos de um dos hits da carreira de Netinho. “Me abraça e me beija / me chama de meu amor”, diz também a música, aqui cantada em parceria com uma jovem Ivete Sangalo.

Milla

Lançada em 1996 no disco Netinho ao Vivo, a música é, ainda hoje, a maior marca de Netinho: “Ô, Mila, mil e uma noites de amor com você”. A canção tocou tanto no rádio que rendeu ao cantor o título de cidadão Sergipano, da Câmara Municipal de Aracaju.

https://youtube.com/watch?v=VhDu7-Sx1yY

Capricho dos Deuses

Como os outros sucessos, esse, do primeiro disco solo de Netinho, Um Beijo pra Você (1993), é romântico: “Foi capricho dos deuses / renascer da paixão / foi amor diferente / quente como um vulcão”.

Preciso de Você

Essa também é “clássica” no repertório do cantor, que a gravou no disco que leva seu nome, de 1995: “Preciso de você / sentir o seu calor / e a tua companhia / Quando você chegar / eu quero te mostrar / a minha alegria / Aí meu coração vai poder sossegar”.

Total

Faustão ainda estava gordo em 1994, quando recebeu Netinho em seu programa com uma piada infame: “Domingo é dia da vovó, e quem agrada à vovô é ele mesmo, o Netinho”. Total, faixa do primeiro disco solo, Um Beijo pra Você (1993), fez tanto sucesso que ganhou uma versão em espanhol.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês