Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

A sofrência teen de Olivia Rodrigo, nova estrela juvenil do pop

Aos 18 anos, ela se firma como o novo grande nome do momento, ao entoar canções sobre corações partidos embaladas para a geração TikTok

Por Tamara Nassif Atualizado em 28 Maio 2021, 11h24 - Publicado em 28 Maio 2021, 06h00

Foram necessárias quatro tentativas para Olivia Rodrigo, de 18 anos, obter a almejada carteira de motorista. Da primeira vez, a pandemia fez com que o teste fosse cancelado. Da segunda, surgiu um conflito de agendas com as gravações de High School Musical: A Série: O Musical, programa da Disney do qual é protagonista. Na terceira, a jovem foi mandada para casa, aos prantos, pelo instrutor, que não aceitou o carro usado por ela — o veículo estava sem buzina. Na quarta vez (ufa!), a nuvem de azar se esvaiu e ela finalmente conseguiu a habilitação. A felicidade da conquista, típica do rito de passagem para a vida adulta, acabou ofuscada por outra agrura do amadurecer: a dor do coração partido. A jovem californiana sentou-se ao piano e compôs Drivers License (Carteira de Motorista, em português), canção lançada em janeiro deste ano e que soma estonteantes 780 milhões de reproduções no Spotify. Nos versos sofridos, embalados por uma melodia sedutora, Olivia chora ao dirigir pela rua do ex. Depois do êxito meteórico da faixa que a pôs no centro dos holofotes, a jovem agora lança seu álbum de estreia, Sour.

+ Compre o disco SOUR, de Olivia Rodrigo

Primeira grande estrela pop da chamada geração Z — os nascidos a partir de 1995 —, Olivia é símbolo daqueles que desconhecem o mundo sem as facilidades e os excessos das redes sociais. Logo, o desabafo público lhe é natural: a canção seria uma indireta para o ator Joshua Bassett (o ex) e para a também cantora Sabrina Carpenter (a nova namorada do ex) — nomes desconhecidos para os adultos, mas que enlouquecem os adolescentes. As letras confessionais de Olivia dão roupagem juvenil à música de dor de cotovelo (de resto, também abraçada pela geração da agora “tiazinha” Taylor Swift). Mas não só: mostram que o talento e a honestidade, mesmo no reino das aparências da internet, não saem de moda. Prova disso é que Drivers License foi alçada ao sucesso dentro do famigerado TikTok — em que 700 milhões de usuários produzem vídeos dos mais variados.

+ Compre o disco Folklore, de Taylor Swift
+ Compre o disco Plastic Hearts, de Miley Cyrus

Filha de um psicólogo filipino e de uma professora americana, Olivia já tocava piano aos 9, e estreou na Disney aos 13, engrossando a lista das estrelas descobertas pelo canal, de Britney Spears a Miley Cyrus. No último ano do ensino médio, hoje ela se equilibra entre a fama e as lições de casa. O plano de ir para a faculdade foi adiado. O céu é o limite — e a precoce Olivia já aprendeu a voar.

Publicado em VEJA de 02 de junho de 2021, edição nº 2740

CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO PARA COMPRAR

SOUR, de Olivia Rodrigo
SOUR, de Olivia Rodrigo
Folklore, de Taylor Swift
Folklore, de Taylor Swift
Plastic Hearts, de Miley Cyrus
Plastic Hearts, de Miley Cyrus

*A Editora Abril tem uma parceria com a Amazon, em que recebe uma porcentagem das vendas feitas por meio de seus sites. Isso não altera, de forma alguma, a avaliação realizada pela VEJA sobre os produtos ou serviços em questão, os quais os preços e estoque referem-se ao momento da publicação deste conteúdo.

Continua após a publicidade

Publicidade