Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

A jornada de Henry Zaga, de filho de ministro a ator em ‘Novos Mutantes’

Brasileiro foi para os Estados Unidos estudar administração até abraçar a verdadeira vocação

Por Mariane Morisawa 29 out 2020, 15h44

Em seu primeiro papel num filme de maior destaque, o brasileiro Henry Zaga interpreta… um brasileiro. Roberto da Costa é um rapaz que consegue controlar a energia do sol em Os Novos Mutantes, que estreou esta semana no Brasil. “Tenho muitas coisas em comum com ele”, disse o ator de 27 anos à VEJA. “É um garoto privilegiado, de quem se espera muito, e ele escolhe um sonho diferente: ser jogador de futebol. E com isso vêm vários problemas.”

Na vida real, Henry Zaga, nome artístico de Henrique Chagas Moniz de Aragão Gonzaga, também desviou da trajetória familiar. Seu pai, Admar Gonzaga, foi ministro do TSE, advogado do presidente Jair Bolsonaro e é secretário-geral do Aliança pelo Brasil. “Eu me apaixonei por interpretação vendo filmes com meus pais”, conta o ator, lembrando-se daqueles estrelados por Alain Delon. Mas, aprovado numa escola de atuação, teve receio de contar a verdade. “Passei um ano e meio escondendo.”

Elenco do filme ‘Novos Mutantes’ (da esquerda para direita), Charlie Heaton, Anya Taylor-Joy, Blu Hunt, Henry Zaga e Maisie Williams //Divulgação

Chegou a estudar administração na Flórida, até abraçar sua verdadeira vontade. “Falei que ia levar meu sonho nas costas e ir para Los Angeles. E, no fim, minha família aceitou super bem.” Logo surgiram os primeiros testes e um papel na série Teen Wolf. Em breve, poderá ser visto também em The Stand, série baseada na obra de Stephen King. E, provavelmente, num projeto que tem a ver com o Brasil. “Não posso falar nada, a não ser que é uma história que o Brasil ama”, disse ele. No site imdb, ele aparece listado no projeto sobre Ayrton Senna – no Brasil, a Gullane Filmes está fazendo uma minissérie sobre o piloto para a Netflix.

Publicidade