Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

A corrida para preencher a última vaga de rainha de bateria nas escolas do Grupo Especial

Na elite do samba, só a Porto da Pedra ainda não preencheu o posto mais alto da 'realeza'. Ainda há vagas para musas

Por Rafael Lemos, do Rio de Janeiro 11 jan 2011, 17h40

A menos de dois meses do Carnaval, as vagas para o posto mais cobiçado da folia já estão praticamente todas preenchidas. Única escola do Grupo Especial do Rio de Janeiro ainda sem rainha de bateria, a Porto da Pedra promete anunciar oficialmente a dona da coroa até, no máximo, a próxima segunda-feira. A agremiação de São Gonçalo busca um nome forte, capaz de atrair muitos holofotes.

A cantora Claudia Leitte, nascida no município da escola, chegou a ser convidada, mas os compromissos com o carnaval baiano falaram mais alto. Nomes como o da apresentadora Angélica e da atriz Leandra Leal, que fez sucesso como Agostina Mattoli, em ‘Passione’, também foram cogitados, sem sucesso. A expectativa, agora, é de que a atriz Ellen Roche ocupe o último trono da folia carioca.

Nos bastidores, os comentários são de que a Porto da Pedra estaria sendo prejudicada por entrar na Avenida imediatamente antes da Beija-Flor, que terá Roberto Carlos. As candidatas a rainha acreditam que terão pouca visibilidade, já que todas as atenções na Marquês de Sapucaí estarão voltadas ao Rei.

Já a atual campeã, Unidos da Tijuca, terá novamente à frente de seus ritmistas a apresentadora Adriane Galisteu – mas pela última vez. Insatisfeita com a ausência da rainha nos ensaios da quadra, a direção da escola avisou que a parceria termina no desfile desse ano. Para substituí-la em 2012, são especulados nomes como Cleo Pires e Luciana Gimenez.

O Salgueiro mantém no cargo, pelo quarto ano consecutivo, a atriz Viviane Araújo. A Vila Isabel contará com a ex-BBB e atual apresentadora do Pânico na TV, Sabrina Sato. A Imperatriz Leopoldinense terá Luiza Brunet. Já a Grande Rio e a Portela apostam nas atrizes globais Cris Vianna e Sheron Menezes, respectivamente.

Mas nem só de rainhas vive a folia. Por isso foi criado o posto de musa – uma espécie de segundo degrau na hierarquia das beldades. A Vila Isabel terá oito musas, uma em cada setor. Entre as escolhidas até o momento estão as atrizes Bárbara Borges e Quitéria Chagas, e a ex-BBB Lia Khey. A atriz e ex-rainha de bateria da Mocidade, Thatiana Pagung, será a com maior destaque, já que estará incorporada à comissão de frente, no primeiro setor.

Outra ex-rainha de bateria, a atriz Carol Castro, retorna ao Salgueiro, dessa vez como musa. A agremiação ainda terá outras musas, como a ex-BBB Priscila Pires e a atriz Suzana Pires. O ator Eri Johnson também ocupará um cargo especial, o de rei da escola. Já a Grande Rio, conhecida como a escola dos famosos, terá como destaques as atrizes Suzana Vieira, no abre-alas, Mônica Carvalho e Milena Toscano, e a apresentadora Ana Hickmann.

Continua após a publicidade

Publicidade