Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Tela Plana

Por Kelly Miyashiro
Críticas e análises sobre o universo da televisão e das plataformas de streaming
Continua após publicidade

Ex-colegas Tiago Leifert e Casagrande travam briga de comadres na Copa

Jornalista e ex-jogador trocam farpas e acusações após discussão sobre a postura de Neymar no mundial de futebol

Por Kelly Miyashiro Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 8 dez 2022, 17h33 - Publicado em 8 dez 2022, 15h04

Ex-colegas de crachá na Globo, o apresentador Tiago Leifert e o comentarista Walter Casagrande vêm travando uma troca de farpas nos últimos dias pela internet — e a causa da rusga é a atuação de Neymar na Copa do Mundo. Casagrande — que deixou a Globo em agosto deste ano sem esconder sua mágoa da emissora — tem publicado diversas críticas à seleção brasileira comandada por Tite na Copa do Mundo, especialmente a respeito da performance de Neymar no time. Chegou a defender que, mesmo sem o camisa 10, o Brasil pode conquistar o hexacampeonato. A língua afiada não poupou nem ex-astros do futebol, como Kaká, Roberto Carlos e Ronaldo Fenômeno, alguns dos quais acusou de estrelismo por assistirem aos jogos do camarote da Fifa — diferentemente de ídolos argentinos, que acompanham humildemente a torcida de seu país nas arquibancadas.

Foi então que Leifert entrou na história. Provocado sobre a questão do camarote, o ex-goleiro do Palmeiras Marcos Roberto publicou uma foto de Neymar e debochou de Casagrande na legenda: “Não precisamos dele [Neymar], não, precisamos do Casagrande para o hexa”. Apoiado pelos colegas ex-jogadores, Marcos recebeu validação de Leifert nos comentários. “Te amo, Marcão! Ídolo de todas as torcidas!”, comentou o ex-Globo Esporte.

View this post on Instagram

A post shared by MARCOS_12 (@marcosgoleiro_12)

Em sua coluna no UOL, Casagrande fez mais um novo texto rebatendo a sátira, alegando não ser o tipo de ex-jogador que puxa o saco de dirigentes em troca de regalias, como receber dinheiro para ir ao Catar ver a Copa do Mundo. Ele também acusou Leifert de destratá-lo quando trabalharam juntos no Globo Esporte, desrespeitar chefias apenas por ser filho do ex-diretor da emissora Gilberto Leifert, além de exigir a demissão de Casagrande da revista GQ.

Continua após a publicidade

Em resposta, Leifert publicou um longo texto em suas redes sociais para negar as acusações, alegando nem ter trabalhado diretamente com o rival. “Quando saí da Globo ano passado, fui homenageado ao vivo no horário nobre (outra coisa que não temos em comum). Tanto é que estou lá no esporte de novo! Me chamaram para voltar, estou na mesma redação e com a mesma turma. Se você tem alguma prova, data, hora, email, fico no aguardo”, escreveu ele, que narra alguns jogos da Copa pelo Globoplay.

View this post on Instagram

A post shared by Tiago Leifert (@tiagoleifert)

Na tréplica, Casagrande citou exemplos de como Leifert havia lhe tratado mal, como não cumprimentá-lo em um jantar na casa de Fausto Silva e ser mal-educado nos bastidores e na frente das câmeras na Globo. “Não quero entender que você está sendo mentiroso. Prefiro achar que você está com algum problema de memória”, concluiu o ex-atacante.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.