Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado quer rescisão de contrato entre governo e empresa condenada

Construtora Shox do Brasil foi flagrada praticando trabalho análogo a escravidão; companhia tem R$ 58 milhões em obras com a União

Por Lucas Vettorazzo Atualizado em 3 fev 2022, 16h55 - Publicado em 3 fev 2022, 16h54

O deputado Elias Vaz (PSB-GO) entrou com uma representação na CGU contra a construtora Shox do Brasil, condenada pela Justiça por manter trabalhadores em condições análogas à escravidão.

O parlamentar quer o rompimento dos contratos do governo federal com a empresa, cujos valores chegam a 58 milhões de reais. O deputado quer a declaração de inidoneidade da construtora, o que a impediria de fazer negócios com a União.

Em 2020, sete operários foram resgatados por auditores do Ministério Público do Trabalho em obras tocadas pela empresa na Base Aérea de Anápolis (GO). O caso chocou porque os trabalhadores passavam fome e precisavam comer formigas como alimento.

“A empresa é flagrada cometendo um crime gravíssimo e é premiada pelo governo federal com contratos milionários. Pedimos a inidoneidade dessa empresa e que os contratos sejam suspensos imediatamente”, disse Vaz.

Os contratos da empresa que atingiram 58 milhões de reais foram fechados entre o final de 2019 e 2021 com os comandos da Aeronáutica e do Exército e também com a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco, a Codevasf. Do total, 23 milhões de reais são de recursos de emendas do relator, o chamado orçamento secreto.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)