Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Com a Petrobras na fogueira, saiba onde está Paulo Guedes

Guedes encontrou nesta segunda, em Paris, o secretário-geral da OCDE, Mathias Cormann

Por Robson Bonin 28 mar 2022, 18h23

Que ninguém duvide quando Paulo Guedes diz que ele não está tratando de Petrobras no governo. Apesar de informações de que o ministro da Economia estaria articulando a saída de Joaquim Luna da estatal, a verdade é que Jair Bolsonaro decidiu demitir o chefe da estatal justamente no momento em que o chefe da Economia está na Europa, sem se envolver nas decisões.

Guedes encontrou nesta segunda, em Paris, o secretário-geral da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), Mathias Cormann. O ministro destacou os esforços do governo para avançar no processo de acessão do país.

Em janeiro deste ano, os membros do conselho da OCDE aprovaram, de forma unânime, convite para que o Brasil inicie o processo formal de participação. Para isso, avaliou e aderiu a diversos instrumentos – foram 38 só na gestão do governo Bolsonaro.

Hoje, é o país com o maior número de instrumentos aderidos entre os parceiros-chave – Brasil, África do Sul, Indonésia, Índia e China – e os que pediram candidatura – Brasil, Argentina, Romênia, Peru, Bulgária e Croácia.

Durante o encontro com Cormann, Guedes salientou que a acessão contribuirá de forma positiva ao processo de modernização econômica e regulatória que está sendo implantado no Brasil. Nesse sentido, o ministro apontou o trabalho realizado pelo Ministério da Economia nas áreas tributária, financeira e de investimentos.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)