Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Agora explica

Deputado do PPS, Stepan Nercessian enviou um documento cobrando explicações de Miriam Belchior sobre a suspensão da pesquisa feita pelo IBGE que mede o desemprego no pais, a chamada Pnad continuada. Feito trimestralmente, o levantamento apontou desemprego médio de 7,1% em 2013, no resultado divulgado em abril, índice superior ao que o governo havia informado. […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 04h02 - Publicado em 16 abr 2014, 11h57
Alvo dos sindicalistas

Alvo da oposição

Deputado do PPS, Stepan Nercessian enviou um documento cobrando explicações de Miriam Belchior sobre a suspensão da pesquisa feita pelo IBGE que mede o desemprego no pais, a chamada Pnad continuada.

Feito trimestralmente, o levantamento apontou desemprego médio de 7,1% em 2013, no resultado divulgado em abril, índice superior ao que o governo havia informado.

Recentemente, o IBGE anunciou que uma nova pesquisa só seria divulgada em 2015, cancelando o levantamento previsto para junho, período em que as campanhas eleitorais já estarão em alta temperatura. Após a mudança no cronograma, dois integrantes do conselho-diretor do IBGE foram exonerados.

No pedido de explicações enviado a Miriam Belchior, o PPS desce a borduna:

– ​A suspensão da divulgação dos resultados deixa claro que o governo não hesitará em intervir em qualquer órgão público, se for necessário para evitar que informações eventualmente negativas sobre o desempenho da economia causem danos à candidatura oficial à reeleição.

Continua após a publicidade
Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)