Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Matheus Leitão Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog

Por que Doria se posiciona bem na terceira via

Com vitória nas prévias, tucano tem chances de crescer na corrida eleitoral

Por Matheus Leitão 1 dez 2021, 18h02

Depois de vencer as tumultuadas prévias do PSDB, o governador de São Paulo, João Doria, está se posicionando bem na terceira via para as eleições presidenciais de 2022.

O tucano tem a seu favor uma carreira política recente, mas sólida. E um ativo importantíssimo: seu empenho na produção da vacina contra o coronavírus salvou milhares de vidas.

O governador ainda não conseguiu transformar a questão das vacinas em um ativo eleitoral, mas agora como candidato oficial do PSDB terá tempo para usar esse ponto a seu favor.

Dentro de um partido fraturado, Doria conseguiu vencer as prévias após um processo conturbado e está tentando reconstruir o PSDB para ter chances em 2022.

Embora ainda não tenha emplacado nas pesquisas, a partir de agora Doria pode se posicionar oficialmente como candidato e conquistar mais votos. Pela força política que tem, o tucano também pode negociar ser cabeça de chapa com algum outro candidato da terceira via, como Luiz Henrique Mandetta.

É possível até uma negociação com Sergio Moro, que apesar do bom desempenho nas pesquisas, ainda pode desistir de liderar uma candidatura. Se essa porta se abrir, o ex-juiz poderia ser vice de Doria, por exemplo.

Essa é a chance do governador de São Paulo de ressaltar o que fez de bom até agora em seu mandato em busca dos votos de quem ainda não decidiu. Se conseguir conquistar o grupo dos indecisos, Doria tem boas chances de se tornar a cara da terceira via.

Continua após a publicidade

Publicidade