Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Matheus Leitão Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog

Governo dá aval para auxílio gasolina a taxistas, mas deixa Uber de fora

Entenda

Por Matheus Leitão Atualizado em 1 jul 2022, 10h02 - Publicado em 30 jun 2022, 19h58

Ao aprovar o chamado “auxílio gasolina” com a articulação direta do senador Flávio Bolsonaro, o governo deu um importante passo, nesta quinta-feira, 30, para agradar os taxistas, mas criou um problema enorme com os motoristas de aplicativos, como o Uber.

É que durante a votação do benefício no Senado, o filho Zero Um de Jair Bolsonaro articulou publicamente, em nome do presidente da República, a concessão de R$ 2,5 bilhões apenas para táxis.

“[Tem que] haver esse limite de R$ 2,5 bilhões para que possamos atender os taxistas, já que a execução é mais fácil e há a preocupação de esse montante de R$ 2,5 bilhões não ser suficiente para atender a segmentos tão numerosos. Parece muito, mas, dividido para muita gente, acaba sendo pouco para todo mundo”, disse Flávio Bolsonaro.

Depois, o senador completou: “A princípio, R$2,5 bilhões apenas para a categoria dos taxistas, e para os demais segmentos a gente pensa uma outra forma em algum outro momento”.

O projeto ainda vai ser analisado pela Câmara, mas o acordo para ajudar a categoria que apoiou Bolsonaro em 2018, obviamente, vale para lá também.

A fala de Flávio foi a senha do governo para dar o “auxílio gasolina” a taxistas, deixando os motoristas de Uber de fora – a 94 dias das eleições.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)