Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Maquiavel Por José Benedito da Silva A política e seus bastidores. Com João Pedroso de Campos, Reynaldo Turollo Jr., Tulio Kruse e Diogo Magri. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Lula diminui vantagem sobre Bolsonaro, aponta pesquisa

Adversários recuaram dentro da margem de erro

Por Leonardo Lellis Atualizado em 16 fev 2022, 15h41 - Publicado em 16 fev 2022, 15h04

A vantagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre o Jair Bolsonaro (PL) na corrida eleitoral diminuiu, segundo pesquisa PoderData divulgada nesta quarta-feira, 15. Lula tem 40% das intenções de voto contra 31% do capitão, uma diferença de nove pontos percentuais.

Ambos oscilaram dentro da margem de erro de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Na última pesquisa, há duas semanas, Lula tinha 41%, enquanto Bolsonaro, 30% — uma distância de 11 pontos percentuais; há um mês, essa diferença era de 14 pontos.

O ex-juiz Sergio Moro (Podemos) assumiu a terceira colocação ao passar de 7% para 9% no intervalo de duas semanas. Ele é seguido por Ciro Gomes (PDT) que caiu para além de margem de erro: passou de 7% para 4% das intenções de voto. Brancos e nulos são 5%; não sabem ou não responderam, 3%.

O governador paulista João Doria (PSDB) registrou 3% (1 ponto a mais que há duas semanas); o deputado André Janones se manteve com 2%. Alessandro Vieira (Cidadania) e Rodrigo Pacheco (PSD) também conservaram 1% entre as duas pesquisas. Simone Tebet caiu de 1% para 0%. Felipe D’Avila (Novo) não pontuou.

Segundo turno

A pesquisa também mostra que, embora lidere em todos os cenários, Lula viu sua vantagem diminuir sobre os adversários. O petista caiu de 54% para 50% entre os dois levantamentos (além da margem de erro). Bolsonaro também recuou de 37% para 35%. Ou seja, a vantagem de Lula caiu de 17 pontos percentuais para 15.

Numa disputa com Moro, seu algoz na Lava Jato, Lula tem 47% contra 32% de Moro (os mesmos 15 pontos de vantagem). No cenário com Ciro, Lula venceria por 45% a 22%. Já com João Doria, o petista registra 46% das intenções contra 18% do tucano.

A pesquisa foi realizada pelo PoderData entre os dias 13 e 15 de fevereiro, por meio de ligações telefônicas. Foram feitas 3 000 entrevistas. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o intervalo de confiança é de 95%. O registro no TSE é o BR-06942/2022.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês