Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Maquiavel Por José Benedito da Silva A política e seus bastidores. Com João Pedroso de Campos, Reynaldo Turollo Jr., Tulio Kruse, Diogo Magri, Victoria Bechara e Sérgio Quintella. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Governo do Paraná: Ratinho Jr. tem ampla vantagem sobre Roberto Requião

Levantamento foi divulgado nesta sexta-feira, 17, pelo instituto Paraná Pesquisas

Por Da Redação Atualizado em 17 jun 2022, 13h21 - Publicado em 17 jun 2022, 14h00

O governador do Paraná, Ratinho Jr. (PSD), tem mais de 20 pontos de vantagem sobre o seu principal rival, o ex-governador Roberto Requião (PT), segundo levantamento feito entre os dias 12 e 16 de junho e divulgado nesta sexta-feira, 17, pelo instituto Paraná Pesquisas.

De acordo com a sondagem, Ratinho tem 48,5% das intenções de voto contra 25,2% de Requião. A margem de erro é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na sequência aparecem o ex-prefeito de Guarapuava César Silvestri Filho (PSDB), com 4,7%; a professora Angela Machado (PSOL), com 2,7%, e o administrador José Maria Boni (Agir 36, ex-PTC), com 1,1%.

Entre os entrevistados, 12,0% disseram que irão votar em branco, nulo ou nenhum e 5,8% não souberam ou não responderam.

Cenários

O cenário da corrida ao governo do Paraná ainda pode mudar, já que o senador Alvaro Dias (Podemos) não descarta sair candidato ao comando do estado em vez de disputar a reeleição – iniciativa que abriria caminho para a candidatura do ex-juiz Sergio Moro (União Brasil) ao Senado na mesma chapa.

Continua após a publicidade

O Podemos hoje é parte da base de Ratinho Jr. no estado, mas a aproximação do governador com o presidente Jair Bolsonaro (PL) deve afastar o partido da coligação para a eleição. O governador já disse que conta com o apoio do presidente contra Requião, que comandou o estado por três mandatos e é apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Aprovação

A administração de Ratinho Jr. é aprovada por 63,0% dos eleitores do Paraná e desaprovada por 30,3% — 6,7% dos entrevistados não souberam ou não quiseram responder.

Quando questionados sobre como avaliam a gestão, 42,4% a classificaram como ótima ou boa, 36,0% como regular e 19,9% como ruim ou péssima — 1,7% não souberam ou não responderam.

A pesquisa ouviu 1.540 eleitores por meio de entrevistas pessoais e foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o nº BR-09457/2022.

 

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)