Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Maquiavel

Por José Benedito da Silva Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho e Isabella Alonso Panho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Família dona de plano de saúde já doou R$ 3 milhões a PT, MDB e PSDB

Com fortuna estimada em cerca de 30 bilhões de reais, os Koren de Lima, da Hapvida, têm se mostrado doadores generosos a partidos em 2022

Por João Pedroso de Campos Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 12 jul 2022, 11h36 - Publicado em 12 jul 2022, 09h13

Dona do maior plano de saúde das regiões Norte e Nordeste do Brasil, o Grupo Hapvida, a família Koren de Lima desponta em 2022 como uma grande doadora de dinheiro a partidos políticos. Quatro membros da família cearense, cuja fortuna foi avaliada em cerca de 30 bilhões de reais pela revista Forbes, já contribuíram com um total de 3 milhões de reais aos cofres de PT, MDB e PSDB.

O dinheiro foi repassado aos partidos entre abril e maio por Cândido Pinheiro Koren de Lima, fundador da Hapvida, por seus filhos, Jorge e Cândido Júnior, integrantes do conselho de administração do grupo, e Ana Christina Fontoura Koren de Lima. Cada um deles doou 312.500 reais ao PT, num total de 1,25 milhão de reais, mesmo valor depositado ao MDB por Cândido, Jorge, Júnior e Ana Christina. Os donos da Hapvida foram mais econômicos com o PSDB: 125.000 reais cada, num total de 500.000 reais aos cofres tucanos.

Cândido Koren de Lima e seus filhos já haviam colocado a mão no bolso para ajudar partidos na eleição de 2020. Naquele ano, Koren doou 250.000 reais, divididos entre PT (100.000 reais), PSD (100.000 reais) e DEM (50.000) reais, enquanto Jorge Koren de Lima e Cândido Júnior contribuíram, cada um, com 50.000 reais ao PT e 50.000 reais ao PSD. Desde as eleições de 2016, por decisão do Supremo Tribunal Federal, estão proibidas doações eleitorais feitas por empresas. No entanto, os empresários podem ajudar a bancar campanhas e partidos por meio de doações registradas na pessoa física.

Segundo a revista Forbes, Cândido Pinheiro Koren de Lima, que é médico oncologista, é dono da décima quarta maior do Brasil, estimada em 14,8 bilhões de reais. Ele abriu seu primeiro hospital em Fortaleza, no fim dos anos 1980, e desde então expandiu a atuação a hospitais, clínicas de saúde e seguros de saúde. O Grupo Hapvida abriu capital na bolsa de valores de São Paulo em 2018. Seus filhos tiveram patrimônios estimados pela Forbes em 7,4 bilhões de reais cada.

Em abril de 2021, a Hapvida foi multada em cerca de 468.000 reais pelo Ministério Público do Ceará, por forçar médicos a receitarem a pacientes com Covid-19 o chamado “tratamento precoce”, que envolvia a administração de medicamentos sem eficácia comprovada contra o coronavírus, como cloroquina e hidroxicloroquina. A CPI da Pandemia, no Senado, chegou a aprovar um requerimento do senador Humberto Costa (PT-PE) para colher informações de Jorge Koren de Lima a respeito do tratamento da rede a pacientes com Covid. O relatório final da CPI, contudo, não teve nenhum representante da empresa indiciado.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.