Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Clarissa Oliveira Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Notas sobre política e economia. Análises, vídeos e informações exclusivas de bastidores
Continua após publicidade

A avaliação do governo sobre a Declaração de Belém

Documento assinado ontem veio sem compromisso com desmatamento zero até 2030 ou crítica a combustíveis fósseis

Por Clarissa Oliveira
9 ago 2023, 06h20

A declaração de Belém, assinada ontem pelos países que participaram da Cúpula da Amazônia, veio sem alguns compromissos colocados na mesa, como a ideia de alcançar desmatamento zero até 2030 ou o corte de investimentos em combustíveis fósseis. Ainda assim, é consenso dentro do governo brasileiro que o evento cumpriu de longe seus objetivos.

Fala-se em “conquista” e em “abrir oportunidades”. Há a avaliação de que o compromisso firmado por países da região de uma cooperação conjunta não pode ser desprezado. O documento, dizem integrantes do Ministério do Meio Ambiente, vem como um compromisso pela busca de consenso na região. Hoje, ainda há divergências. Mas existe uma disposição de caminhar na mesma direção.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.