Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Eterno coadjuvante (5)

Zé de Abreu melhora do surto psicótico e renuncia ao seu primeiro papel como protagonista

Por Augusto Nunes 29 mar 2019, 07h14

“Não aguento mais ser presidente. Tentei montar um gabinete-sombra do governo. Mas como fazer sombra para o nada?”. (José de Abreu, eterno coadjuvante, ao anunciar que fará um auto-impeachment no dia 1° de abril, mostrando que já melhorou do surto psicótico que sofreu para desempenhar pela primeira vez um papel de protagonista)

Publicidade