Clique e assine a partir de 9,90/mês

Três novas espécies de dinossauro voador são encontradas na África

Arqueólogos encontraram no continente africano restos de mandíbulas e dentes desses grandes répteis

Por Sabrina Brito - 31 mar 2020, 16h47

Arqueólogos acabam de encontrar no Marrocos os fósseis de três novas espécies de dinossauro que, de acordo com pesquisas, habitavam o local que hoje conhecemos como Saara, na África. Há cerca de 100 milhões de anos, quando esses grandes répteis ainda existiam, o atual deserto era um lugar extremamente propício para a vida, cheio de vegetação, animais e água.

As três espécies descobertas pertencem a pterossauros, ou seja, dinossauros dotados da capacidade de voar. Eles tinham aproximadamente quatro metros e utilizavam seus dentes gigantescos para capturar suas presas.

No entanto, os dinossauros foram extintos quando, há cerca de 65 milhões de anos, um asteroide colidiu com a Terra. Deles, sobraram apenas fósseis espalhados pelo mundo, incluindo aquele que foi recentemente encontrado pelos pesquisadores.

Segundo os cientistas, liderados pela Universidade Baylor (EUA), restos de pterossauro são muito raros de se achar. A maior parte dos que foram escavados até agora estavam na Europa, América do Sul e Ásia. Os fósseis encontrados no México podem fornecer um vislumbre raro de como era a vida há milhões de anos no continente africano.

Continua após a publicidade

Os novos pterossauros, de acordo com os especialistas, são muito semelhantes a alguns pássaros modernos, como o condor e o albatroz. O estudo foi publicado no periódico científico Cretaceous Research.

Publicidade