Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Novo dinossauro encontrado na Romênia viveu há 80 milhões de anos

Cientistas dizem que ele se parecia com um dragão e possuía garras no formato de foice

O dinossauro encontrado seria uma versão mais encorpada do Velociraptor, por causa do formato das garras em foice em cada um dos pés

Cientistas encontraram um fóssil pertencente a um novo tipo de dinossauro bípede que viveu há 80 milhões de anos na região que hoje é a Romênia. A criatura recebeu o nome de Balaur bondoc, que em romeno significa “dragão compactado”. Com uma estatura que variava entre 1,4 até 2 metros de altura, o dinossauro carnívoro possuía garras no formato de foice e também utilizava os membros inferiores para estripar suas presas. Os cientistas também descrevem o novo dinossauro como uma versão mais encorpada do Velociraptor, por causa do formato das garras em cada um dos pés. “Balaur pode ter sido um dos maiores predadores no ecossistema local”, disse em entrevista a rede britânica BBC, Zoltan Csiki, co-autor do estudo, realizado pela Universidade de Bucareste, Romênia. O fóssil encontrado possui parte do esqueleto do animal incluindo pernas, quadril, costelas, braços, patas e ossos da cauda. Balaur possuía pés e pernas compactas, com grandes áreas de ligação muscular na pélvis, indicando que ele tinha mais força que velocidade. Os pesquisadores acreditam que, comparado ao Velociraptor, Balaur se parecia mais com um kickboxer do que um velocista, e pode ter sido capaz de subjugar animais maiores do que ele, como muitos carnívoros fazem hoje. Contudo, eles reforçaram que é muito difícil dizer de que modo o animal caçava e quais alimentos constituíam sua dieta.