Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Milhares de pessoas marcham em Durbam para pedir ‘justiça climática’

Milhares de pessoas desfilaram neste sábado pelas ruas de Durban cantando consignas como “Amandla” (Justiça), o grito em zulu clássico dos opositores ao apartheid, clamando por “uma justiça climática”.

Os manifestantes, com bandeirolas com inscrições “Parem de destruir nossa Terra” ou “Justiça”, e ao som de tambores e cantos, se dirigiram para o centro de conferências onde se realiza até o próximo dia 9 a reunião da ONU consagrada ao clima.

“Queremos que deixem de publicar seu textos chatos e se mostrem tão vivazes quanto esta passeata”, explicou Leo Saldanha, um militante indiano.

Organizada por um grupo ao qual percentem ONGs de ecologistas, movimentos sociais, agrícolas, políticos e sindicatos, a manifestação foi acompanhada pelas forças de ordem e blindados da polícia.

“Queremos uma justiça climática, não um apartheid climático”, explicou Lubna Nadvi, porta-voz do grupo.