Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EUA: Facebook e autoridades fecham acordo sobre violação da privacidade

O Facebook e as autoridades americanas anunciaram esta terça-feira terem chegado a um acordo para reforçar a proteção da informação dos usuários e solucionar desta forma as acusações feitas pela Comissão Federal de Comércio (FTC), que acusava a rede social na internet de violar sua promessa de privacidade.

“O regulamento proposto exige que o Facebook tome várias medidas para assegurar que suas promessas sejam cumpridas no futuro, inclusive (…) pedindo o consentimento explícito dos consumidores antes de que sua informação seja compartilhada além do disposto pela configuração de sua privacidade”, anunciou a FTC em um comunicado.

O Facebook não admitiu culpa e não foi sancionado pelas acusações de compartilhar informação dos usuários com anunciantes e terceiros quando dito aos usuários que seus dados estavam protegidos.

A empresa foi proibida de “fazer mais afirmações de privacidade enganosas” e foi ordenada de forma regular a que se submeta ao controle de auditores independentes (durante 20 anos) para garantir a manutenção de suas promessas.

O fundador e diretor-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, informou em um comunicado aos usuários em sua própria conta na rede social que a empresa já pôs em andamento as medidas para cumprir as promessas do acerto feito com a FTC.