Clique e assine a partir de 8,90/mês

Cantora Beyoncé dá nome a mosca australiana

A 'Scaptia (Plinthina) beyoncea' tem uma tonalidade dourada no abdome, que inspirou seus descobridores a homenagear a cantora

Por Da Redação - Atualizado em 6 Maio 2016, 16h49 - Publicado em 13 jan 2012, 12h18

Uma mosca australiana recém-descrita foi batizada por seus descobridores em homenagem à cantora e atriz americana Beyoncé Knowles. A Scaptia (Plinthina) beyoncea tem o abdome dourado e, para os pesquisadores, lembra o figurino da artista pop no videoclipe da música Bootylicious, do Destiny’s Child, grupo que alçou Beyoncé à fama.

Saiba mais

CELEBRIDADES NA TAXONOMIA

O Norasaphus monroeae, batizado em homenagem a Marilyn Monroe é um trilobita, tipo de animal pré-histórico do tamanho de um inseto. Outros trilobitas ganharam os nomes dos integrantes da banda de punk rock Ramones, como Mackenziurus joeyi. O cantor Sting, ex-vocalista da banda The Police, foi homenageado com a rã Hyla stingi, e o compositor Wolfgang Mozart com o inseto marinho Bishophina mozarti. O ator Arnold Schwarzenegger deu nome a um caranguejo com braços fortes, o Agra schwarzeneggeri. O Metallichneumon neurospatarchus é um parasita que atinge baratas, matando-as ao injetar veneno em seus cérebros. Ele ganhou esse nome em homenagem ao álbum Master of Puppets, da banda de trash metal Metallica.

As coincidências, afirmam os pesquisadores, não param por aí. A mosca Beyoncé foi encontrada pela primeira vez no nordeste da Austrália em 1981, ano em que a artista nasceu. A mosca, porém, não havia ‘nascido para a ciência’ até este ano por não ter sido descrita, o que só ocorreu agora com a publicação de um artigo no Australian Journal of Entomology. Outras quatro moscas da mesma família também foram descritas, mas com nomes que não as farão famosas.

“Foi a densa e única cor dourada nos pelos do abdome da mosca que me fez batizá-la em homenagem à cantora Beyoncé. Foi ainda uma chance de demonstrar o lado divertido da taxonomia”, afirmou Bryan Lessard, entomologista da Organização para a Pesquisa Industrial e Científica da Austrália (CSIRO).

A organização informou que está tentando contato com a cantora para informá-la da homenagem. Apesar de ter um papel importante na polinização de várias plantas, a mosca Beyoncé é considerada uma praga pelos australianos.

Beyoncé não é a primeira artista a receber esse tipo de homenagem. A Comissão Internacional de Nomenclatura Zoológica permite que espécies recebam nomes relacionados a pessoas. O tributo mais comum, porém, é feito a um cientista ligado à pesquisa.

http:http://www.youtube.com/embed/IyYnnUcgeMc

Continua após a publicidade
Publicidade