Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Zona Norte de SP tem ônibus queimado e morte em igreja

Ninguém se feriu no incêndio. Em outro caso, atirador entrou em igreja lotada e disparou várias vezes contra um homem, que morreu

Por Da Redação 20 dez 2012, 09h43

Um ônibus foi incêndiado em Pirituba, Zona Norte de São Paulo, às 21h45 desta quarta-feira. Os bombeiros foram acionados para conter o fogo. Segundo a empresa proprietária do veículo, A Transcooper Fênix, três homens ainda não identificados entraram no ônibus, deram ordem para que todos saíssem e atearam fogo. Ninguém se feriu.

A Secretaria de Segurança Pública ainda investiga se este crime tem relação com os outros ataques a coletivos da capital.

Outro crime aconteceu em uma igreja evangélica na rua Queirós Veloso, na Vila Maria, quando um atirador entrou no local que estava lotado de fiéis e atirou cerca de dez vezes na nuca e nas costas de um comerciante, que não resistiu e morreu.

De acordo com testemunhas, João Gualberto Pimentel dos Santos estava nos fundos do templo quando foi atingido pelos tiros. O assassino teria, inclusive, afastado duas pessoas que estavam próximas à vítima antes de disparar. Ninguém mais ficou ferido.

O criminoso, que aparentava ser menor de 18 anos, fugiu em um veículo no sentido da Ponte da Vila Maria. Ainda não se sabia o motivo do crime e até as 12h desta quinta-feira, nem ninguém havia sido preso.

O caso foi registrado no 73º Distrito Policial (Jaçanã), mas será investigado por policiais do 90º DP (Parque Novo Mundo), distrito responsável pela ocorrência.

Continua após a publicidade

Publicidade