Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Três vítimas do incêndio no Flamengo são enterradas nesse domingo

Christian Esmério foi velado no Rio de Janeiro. As famílias de Bernardo Pisetta e Vitor Isaías se despedem dos jovens em Santa Catarina

O início da tarde deste domingo, 10, marcou a despedida de três atletas mortos pelo incêndio no Ninho do Urubu, sede do Flamengo, no Rio de Janeiro. Christian Esmério, de 15 anos, foi enterrado no Cemitério de Irajá, na capital carioca. Bernardo Pisetta, de 14, e Vitor Isaías, de 15, foram levados para suas cidades em Santa Catarina. Bernardo foi velado em Indaial e Vitor, em Florianópolis.

Christian poderia ter escapado da tragédia. O goleiro, com passagens pelas seleções brasileiras de base, morava no bairro de Madureira, na Zona Norte carioca, e só ficou no alojamento do Flamengo porque estava organizando uma surpresa para um colega de time. “Ele não voltou porque no outro dia era aniversário do rapaz de Volta Redonda. Ele queria fazer uma festinha surpresa pro moleque. Por isso, não veio embora”, revelou Allan Silva, amigo da família, em referência a Arthur Vinícius, zagueiro de 14 anos que foi enterrado em sua cidade no sábado, 9.

CEO do Flamengo culpa a chuva pela tragédia: dormitório tinha apenas uma porta

CEO do Flamengo culpa a chuva pela tragédia: dormitório tinha apenas uma porta (Ricardo Moraes/Reuters)

Os corpos de Bernardo Pisetta e Vitor Isaías foram levados às suas cidades em voos fretados e os velórios começaram logo cedo. Bernardo foi velado na Câmara de Vereadores de Indaial e o enterro aconteceu no Cemitério Municipal.

O velório de Vitor Isaías começou às 8h30 no Ginásio Carlos Alberto Campos. O enterro aconteceu em Biguaçu, na Grande Florianópolis. Um dos agentes do atacante contou à reportagem que a equipe que conduzia a carreira do jogador passou o sábado auxiliando a família na liberação do corpo junto ao IML e no translado para Santa Catarina. Ele disse estar muito abalado e não quis gravar entrevista.