Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Serraglio, Temer e saques do FGTS nas manchetes de 09/03/17

Os jornais desta quinta destacam, entre outros temas, o início dos saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço

Por Da redação - Atualizado em 9 mar 2017, 07h26 - Publicado em 9 mar 2017, 07h20
Para o ministro da Justiça, Osmar Serraglio, o presidente Michel Temer só poderá ser investigado pelo Ministério Público se houver prova de que ele tinha conhecimento do recebimento de dinheiro indevido. Enquanto isso,  no Dia Internacional da Mulher, Temer disse que a recuperação econômica trará mais oportunidades de emprego às mulheres, que poderão ir além de cuidar dos ‘afazeres domésticos’. Já na véspera dos primeiros saques das contas inativas do FGTS, ainda há problemas para os beneficiários visualizarem os valores a serem retirados.

Confira as manchetes e outros destaques de jornais brasileiros na manhã desta quinta-feira:

Folha de S. Paulo (SP)
Sem prova, não se pode cassar Temer, diz novo ministro
O novo ministro da Justiça, Osmar Serraglio, afirma que o presidente Michel Temer só pode ser investigado se houver prova objetiva de “que ele sabia que estavam recebendo dinheiro indevido”. Em entrevista à Folha de S.Paulo, ele disse que o Ministério Público deve ter elementos mais fortes para fazer denúncia.

Consumidor passará a receber menos com Nota Fiscal Paulista
O governo de São Paulo passará a destinar a maior parte dos créditos oriundos da Nota Fiscal Paulista a ONGs, reduzindo a fatia devolvida aos contribuintes. Pelas novas regras, as instituições ficarão com 60% dos créditos gerados pelo programa, e os contribuintes, com 40%.

O Estado de S.Paulo (SP)
Decisão do STF eleva tensão às vésperas de lista de Janot
Na iminência dos pedidos de abertura de inquérito contra dezenas de congressistas pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, parlamentares acusaram o STF de se igualar à chamada “República de Curitiba” e querer “criminalizar” as doações legais no julgamento que tornou réu o senador Valdir Raupp.

Temer: Ninguém melhor do que a mulher para indicar ‘desajustes de preços no supermercado
Em cerimônia no Planalto no dia Internacional das Mulheres, presidente disse ainda que, com as perspectivas de recuperação econômica, as mulheres terão mais oportunidades de emprego, além de cuidar dos ‘afazeres domésticos’.

O Globo (RJ)
Falha faz contas do FGTS aparecerem zeradas
Os trabalhadores com data de nascimento em janeiro e fevereiro, cujo saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço começa no próximo dia 10, já encontram seu saldo zerado ao consultar os dados através do site ou do aplicativo da Caixa Econômica Federal.

Valor Econômico (SP)
Parlamentares reagem à punição por doação legal
Preocupados com a decisão do Supremo Tribunal Federal que poderá resultar na criminalização de doações legais de empresas a campanhas eleitorais, parlamentares começam a articular uma reação no Congresso.

Zero Hora (RS)
Latrocínios aumentaram 12% em seis meses na região metropolitana
Uma semana com três vítimas de latrocínio e outras duas feridas a tiros em assaltos, na Região Metropolitana, fechou os primeiros seis meses de Cezar Schirmer na Secretaria Estadual da Segurança Pública do Rio Grande do Sul.

Correio Brazilienze (DF)
DNA aponta pastor como estuprador de 3 mulheres
A Polícia Civil do Distrito Federal apontou o pastor Renato Bandeira dos Santos, 30 anos, como o autor de vários estupros cometidos no Distrito Federal. O perfil genético de Bandeira coincide com o material coletado no corpo de pelo menos três vítimas de crimes sexuais no DF.

Jornal do Commercio (PE)
Caixa amplia horário para saque do FGTS
Começam nesta sexta-feira os saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço para os trabalhadores nascidos nos meses e janeiro e fevereiro e que pediram demissão ou foram demitidos até dezembro de 2015. As agências da Caixa em Permaumbuco vão abrir duas horas mais cedo.

O Popular (GO)
Comércio e indústria dão aval a horário escalonado
Promessa de campanha do prefeito Íris Rezende, horários diferenciados para os estabelecimentos comerciais poderiam melhorar o fluxo do trânsito em Goiânia.

O Liberal (PA)
Temer lança pacote para estimular parto normal
O governo federal lançou uma série de diretrizes para humanizar o parto normal e reduzir o número de intervenções consideradas desnecessárias. Segundo o Ministério da Saúde, as diretrizes têm como objetivo permitir que a mulher tenha maior poder de decisão sobre como será o nascimento do filho.

A Crítica (AM)
Detran vai à Justiça por dívida milionária
O diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito, Leonel Feitoza, entrou na Justiça para cobrar uma dívida de mais de 12 milhões de reais dos empresários do sistema de transporte coletivo de Manaus há 10 dias.

Publicidade