Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Sarkozy defende Brasil na ONU

Por Da Redação 22 dez 2008, 15h17

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, afirmou nesta segunda-feira no Rio que defende o ingresso do Brasil no Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas). Além disso, declarou que a União Européia (UE) está interessada em levar propostas conjuntas com o país à cúpula do G20, que acontecerá em abril, em Londres.

Durante a segunda reunião do Encontro Brasil-União Européia, o líder francês disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve exercer um papel mais importante na liderança mundial, principalmente no que diz respeito às questões ambientais. Sarkozy declarou que veio ao Brasil como presidente semestral da União Européia, para anunciar que o bloco quer trabalhar junto com o colega brasileiro em questões como crise financeira mundial, mudança climática e Rodada Doha de liberalização do comércio.

Em sua sua última viagem oficial como líder da UE, Sarkozy encontrou Lula para a assinatura do Plano de Ação da Parceria Estratégica – específico entre Brasil e França. O projeto prevê a construção de quatro submarinos convencionais do tipo Scorpenes e um movido a energia nuclear, além de 50 helicópteros que serão utilizados pela Força Aérea Brasileira.

O documento vai contemplar também cooperação nas áreas de desenvolvimento sustentável, educação, espaço, energia nuclear, migração e cooperação fronteiriça.

Continua após a publicidade
Publicidade