Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

São Paulo e Rio caem no ranking das mais caras

Por Inara Campos Chayamiti - 19 mar 2008, 17h50

São Paulo continua sendo a cidade brasileira mais cara para se viver, de acordo com um ranking do UBS Wealth Management Research (uma divisão do banco suíço UBS) divulgado nesta quarta-feira. Contudo, tanto a capital paulista como o Rio de Janeiro — a segunda cidade brasileira mais cara — perderam posições na lista das 71 cidades mais caras do mundo. As duas metrópoles fecharam 2007 como a 45ª e a 46ª mais dispendiosas, respectivamente.

Em 2006, São Paulo estava em 42ª e o Rio, em 43ª. No novo ranking, as três primeiras colocadas foram Oslo (Noruega), Copenhague (Dinamarca) e Londres (Reino Unido). Em 42º lugar na lista mundial, Caracas (Venezuela) é hoje a cidade mais cara da América Latina, segundo os dados do UBS Wealth Management Research.

Publicidade