Clique e assine com 88% de desconto

PMDB decide apoiar João Leite em Belo Horizonte

Em terceiro lugar nas eleições, o peemedebista Rodrigo Pacheco fecha aliança com o tucano

Por Luisa Bustamante - Atualizado em 3 out 2016, 22h26 - Publicado em 3 out 2016, 22h16

Um dos candidatos na disputa do segundo turno em Belo Horizonte, João Leite (PSDB) conseguiu um bom reforço na briga pela prefeitura de Belo Horizonte contra o adversário Alexandre Kalil (PHS). Terceiro lugar nas urnas no domingo, o deputado estadual Rodrigo Pacheco (PMDB) declarou seu apoio ao tucano nesta segunda-feira.

O apoio de Rodrigo era o mais cobiçado entre os candidatos derrotados no primeiro turno. Desconhecido por grande parte do eleitor da capital, o peemedebista largou em último na campanha e terminou o domingo com 10% dos votos. A aliança foi acertada durante uma reunião na tarde desta segunda que contou com a presença dos senadores Aécio Neves e Antônio Anastasia, e do vice-governador de Minas, Antônio Andrade (PMDB).

A aliança está condicionada à adoção de projetos do plano de governo de Pacheco, como a construção de mais Unidades Municipais de Educação Infantil (UMEIs), em uma eventual gestão de Leite. A Rodrigo, caberia o papel de atuar como um interlocutor do tucano com o governo federal em busca de recursos para o município.

Pimentel

A notícia não foi bem digerida pelo grupo do governador Fernando Pimentel (PT), que tem o PMDB como vice no estado. Durante a campanha, preocupado com o crescimento de Leite, o petista tentou costurar apoios para Alexandre Kalil no segundo turno. Rodrigo estava entre os nomes cobiçados pelo petista.

Publicidade

 

Publicidade