Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

PM não precisa aguardar complexo para agir, diz Kassab

Por Da Redação 8 jan 2012, 08h35

Por AE

São Paulo – O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD), afirmou ontem que a inauguração do Complexo Prates – centro de acolhimento e tratamento para usuários de drogas – independe da Operação Integrada Centro Legal, deflagrada na terça-feira na cracolândia, na Luz, região central de São Paulo. Reportagem revelou que o patrulhamento na região começou antes da hora, sem o conhecimento do prefeito, como ele mesmo admitiu, do governador Geraldo Alckmin (PSDB) e do comando geral da Polícia Militar. E sem o equipamento para os dependentes concluído, conforme planejado.

“Só falta essa agora de a polícia ter de aguardar os equipamentos da saúde e da assistência social ficarem prontos para fazer aperfeiçoamentos nas suas ações”, disse Kassab. Em visita às obras do espaço de 11 mil metros quadrados, na Rua Prates, no Bom Retiro, Kassab prometeu entregar tudo funcionando até o fim de fevereiro.

Antes, até o fim deste mês, já serão prestados os serviços de assistência social. A capacidade é de 1,2 mil pessoas atendidas a cada dia. O complexo terá uma quadra de futebol, salas individuais para atendimento clínico e terapêutico, um albergue, uma horta, um pomar e uma escola de jardinagem.

Kassab e a vice-prefeita e secretária de Assistência Social, Alda Marco Antonio, alegaram que a Prefeitura já tem outros equipamentos próximos em funcionamento, como o centro de convivência da Rua Mauá e AMAs e albergues. Kassab evitou, dessa forma, admitir que o funcionamento do Complexo Prates fosse importante para atender todos os dependentes da cracolândia – cerca de 2 mil. O prefeito defendeu, no entanto, que haja mais integração e interlocução entre as esferas de poder público envolvidas na operação. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)