Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Planalto planeja colocar Eletrobrás como sócia do trem-bala

Projeto exigirá a construção de ao menos 12 subestações de energia, diz jornal

Por Da Redação 10 fev 2011, 07h01

Faltam pouco mais de dois meses para que as empresas interessadas em participar do leilão de concessão do trem-bala que ligará São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro entreguem suas propostas. E uma informação divulgada nesta terça-feira deve esquentar a disputa. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, o Planalto quer colocar a Eletrobrás como sócia do projeto, orçado em 33 bilhões de reais.

Para abastecer o consumo elétrico do trem-bala, será necessária a construção de ao menos 12 subestações de energia de 80 megavolts-ampère (MVA) – isso equivale ao consumo de cerca de 200.000 residências. Por causa disso, as empresas interessadas do projeto já trabalhavam com a possibilidade de fazer sociedade com empresas elétricas após o leilão, que deve ocorrer em abril. Agora, segundo o jornal, as concorrentes já admitem formar parcerias antes mesmo do leilão.

Ao elaborar o estudo de viabilidade do trem-bala, o governo deixou de fora o custo da construção das linhas de transmissão. Ou seja, gastos estimados em pelo menos 1 bilhão de reais acabaram excluídos do orçamento total do projeto. O edital do estabelece que cabe ao vencedor do leilão a construção das linhas que serão responsáveis pelo abastecimento de energia – ainda que isso não esteja especificado no estudo.

O governo vai subsidiar até 5 bilhões de reais das operações de financiamentos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) destinadas à construção da linha do trem-bala. De acordo com a Media Provisória publicada em novembro passado, o governo poderá garantir o financiamento de até 20 bilhões de reais entre o BNDES e o concessionário que irá explorar o sistema. A garantia da União ao financiamento estará condicionada ao oferecimento de contragarantia, em valor igual ou superior, e à adimplência do concessionário.

Continua após a publicidade
Publicidade