Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Pezão pede reforço da Força Nacional durante votação de medidas

Agentes vão reforçar a segurança na cidade carioca durante quinze dias

Por Da redação - 16 nov 2016, 10h15

O Ministério da Justiça informou nesta quarta-feira que a Força Nacional vai reforçar a segurança na cidade do Rio de Janeiro. Em nota, a pasta disse que o pedido foi feito pelo governador Luiz Fernando Pezão. A solicitação foi feita para que os agentes ajudem “na preservação da ordem pública” durante a votação do pacote de austeridade apresentado pelo governo estadual na Assembleia Legislativa (Alerj), que está marcada para hoje.

Na semana passada, manifestantes invadiram a Alerj, em protesto contra o pacote de medidas anticrise. Eles tomaram o plenário, sentaram nas cadeiras dos deputados e ocuparam as galerias do segundo andar, onde costuma ficar o público que assiste as votações. Um sinalizador de fumaça chegou a ser aceso no plenário. O principal projeto em pauta propõe a redução em 30% do salário do governador, do vice, dos secretários e dos subsecretários.

“Dessa forma, o ministro Alexandre de Moraes autorizou o deslocamento imediato de um efetivo da Força Nacional para a cidade do Rio de Janeiro, a fim de atender ao solicitado”, diz o texto. Os agentes devem permanecer na cidade por um prazo inicial de quinze dias.

Publicidade