Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Maria da Penha é indenizada após 7 anos

Por Giancarlo Lepiani
7 jul 2008, 10h19

Depois de sete anos de espera, a biofarmacêutica Maria da Penha Fernandes, que ficou tetraplégica em função de atos de violência cometidos pelo seu ex-marido, enfim recebeu uma indenização de 60.000 reais do governo de seu estado. Maria da Penha, que dá nome à lei que tornou mais rigorosa a pena para quem pratica violência doméstica, recebeu o dinheiro nesta segunda-feira. A indenização foi determinada pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA, em 2001. Maria da Penha foi à comissão alegando que o estado demorou a punir o homem que cometia as agressões contra ela.

Maria da Penha foi vítima da brutalidade do ex-marido, Marco Antônio Heredia Viveros, durante seis anos — em duas ocasiões, ele tentou matá-la. A biofarmacêutica ficou tetraplégica numa dessas tentativas, em 1983, quando Viveros acertou um tiro em suas costas. O ex-marido só foi preso quase vinte anos depois do crime. Foi condenado a dez anos de prisão, mas cumpriu menos de um terço da pena. A lei Maria da Penha foi aprovada em 2006 — desde então, a punição aos maridos violentos é mais rigorosa.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.