Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Justiça determina buscas em reserva indígena após morte de caçadores

Reserva indígena Parakanã, no Pará, vive clima de tensão com fazendeiros, ampliado depois do assassinato de três pessoas há pouco mais de uma semana

Por Laryssa Borges Atualizado em 2 Maio 2022, 13h40 - Publicado em 2 Maio 2022, 13h30

O juiz Heitor Moura Gomes, da Vara Cível e Criminal de Tucuruí (PA), determinou que a Polícia Federal faça uma operação de busca e apreensão dentro da reserva indígena Parakanã, próxima ao município de Novo Repartimento, no sudeste do estado. Dezoito aldeias são alvo da decisão judicial.

A medida ocorre após três caçadores terem sido assassinados depois de terem entrado, no domingo, 24, na área para caçar animais silvestres. O clima de tensão – com indígenas e não indígenas armados – e ameaças de uma iminente invasão da terra indígena já haviam levado à obstrução de parte da Transamazônica, que, por ordem do mesmo juiz, agora terá de ser liberada.

De acordo com a Polícia Federal, depois do desaparecimento dos caçadores, no dia 24, policiais tiveram acesso a um áudio que relatava os homicídios. Em investigações preliminares que embasaram a ordem de busca, há relatos de ameaças de derrubada da ponte sobre o Rio Pucuruí, no município de Novo Repartimento, “animosidades constantes com caminhoneiros” e promessas de invasão da terra indígena em represália às três mortes. A PF também identificou ameaças de tomada das casas de apoios aos indígenas localizadas na cidade a cerca de 30 km da reserva e relatou à Justiça que o pai de uma das vítimas tem oferecido abrigo aos manifestantes à espera da deflagração de uma ofensiva.

Por determinação da Justiça, a Força Nacional de Segurança também foi enviada ao local e tem ordem para permanecer na região por pelo menos mais 15 dias.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês