Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Goleiro Bruno é transferido para penitenciária de segurança máxima no Norte de MG

Operação de transferência foi concluída neste sábado. Condenado está perto de Montes Claros, cidade do clube com o qual assinou contrato

O goleiro Bruno Fernandes – condenado pela morte da modelo Eliza Samudio – foi transferido para a Penitenciária de Segurança Máxima de Francisco Sá, no Norte de Minas Gerais. Bruno estava na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na Grande Belo Horizonte.

O benefício da transferência havia sido concedido no dia 10, com prazo de 20 dias para ser cumprido. A transferência foi feita sob sigilo e Bruno foi escoltado desde Belo Horizonte pelo Comando de Operações Penitenciárias Especiais (Cope).

Leia também:

Goleiro Bruno pode ser transferido e voltar a jogar

Relembre os principais fatos do Caso Bruno

Como o goleiro Bruno atraiu Eliza Samudio para a morte

O novo destino fica a apenas 40 quilômetros da sede do clube Montes Claros, com o qual Bruno assinou contrato de cinco anos em abril. Uma vez na cidade, ele poderá trabalhar durante o dia, mas terá de dormir na cadeia, e ficará impossibilitado de viajar com o clube.

Para isso, no entanto, ele terá de progredir do regime fechado, que cumpre atualmente, para o semiaberto. De acordo com a Secretaria de Estado de Defesa Social de Minas Gerais, o benefício seria dado apenas em 2018. Bruno está preso desde julho de 2010 e cumpre pena de 22 anos e três meses de reclusão pela morte da ex-amante.

Em março deste ano, a defesa de Bruno tentou a transferência para o presídio de Montes Claros, pedido negado pelo juiz da Vara de Execuções Penais, Francisco Lacerda, que alegou superlotação no local.