Clique e assine a partir de 9,90/mês

Falcão lamenta morte de Marisa e faz crítica indireta à Lava Jato

Presidente do PT lembrou que a mulher do ex-presidente Lula costurou com retalhos a primeira bandeira do partido

Por Da redação - 3 fev 2017, 19h59

O presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Falcão, publicou uma nota de pesar pela morte da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, no início da noite desta sexta-feira no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. “Foi ela quem costurou, com os retalhos que tinha em casa, nossa primeira bandeira”, lembra o petista.

Falcão afirma na nota que Marisa foi “uma das maiores vítimas dos cruéis ataques da elite brasileira”. Em uma crítica indireta à Operação Lava Jato, o presidente do PT diz que “rasgaram princípios caros ao Estado Democrático de Direito, como o da necessidade de provas em uma acusação. Quebraram sigilos pessoais de sua vida e de sua família, sem sequer uma prova”. A ex-primeira-dama era ré em duas ações penais na Justiça Federal de Curitiba.

“Companheira, seu nome ficará no coração de nossa bandeira. E é sob essa bandeira que continuaremos a lutar pelo projeto de construção de um novo Brasil. Nesse momento de muita dor, transmito, em nome dos milhares de militantes e simpatizantes do PT, nossos sentimentos de pesar ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua família e a todos aqueles que conviveram com a nossa querida Dona Marisa”, conclui Rui Falcão.

Leia a íntegra da nota do presidente do PT:

Continua após a publicidade

Para sempre, Marisa Letícia viverá em nossos corações como a primeira estrela do PT. Foi ela quem costurou, com os retalhos que tinha em casa, nossa primeira bandeira.

Foi ela também uma das maiores vítimas dos cruéis ataques da elite brasileira, que não suportou as mudanças que nossa bandeira trouxe ao país, uma verdadeira revolução pela inclusão social. Rasgaram princípios caros ao Estado Democrático de Direito, como o da necessidade de provas em uma acusação. Quebraram sigilos pessoais de sua vida e de sua família, sem sequer uma prova.

Marisa Letícia manteve a cabeça erguida dos inocentes e dos que não fogem à luta. Foi, também, quem sempre mais apoiou e esteve ombro a ombro com nosso querido presidente Lula em sua jornada de luta por justiça social.

Companheira, seu nome ficará no coração de nossa bandeira. E é sob essa bandeira que continuaremos a lutar pelo projeto de construção de um novo Brasil. Nesse momento de muita dor, transmito, em nome dos milhares de militantes e simpatizantes do PT, nossos sentimentos de pesar ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, sua família e a todos aqueles que conviveram com a nossa querida Dona Marisa.

Continua após a publicidade

Marisa Letícia: Presente!

Publicidade