Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Enquete: você concorda com a greve geral desta sexta-feira?

Pelo menos 20 capitais do país participarão dos protestos e paralisações do dia 28/04

A paralisação da sexta feira, dia 28 de abril, proposta pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e outras centrais sindicais contra às reformas trabalhista e previdenciária do governo do presidente Michel Temer já conta com a participação de pelo menos 14 categorias, incluindo bancários, servidores municipais de São Paulo, bancários, professores de escolas públicas e privadas, metalúrgicos, dentre outros.

Os protestos desta sexta devem atingir pelo menos 20 capitais do país.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Lucelio Pereira Viana Lu

    Penso que o brasileiro deveria olhar mais para a conjuntura. Nosso povo está vivendo cada vez mais, o que é uma benção. Porém há cada vez menos gente na ativa, contribuindo para a previdência, e assim garantir a aposentadoria dos inativos. Portanto a reforma da previdência se faz necessário para a sobrevivência da mesma.

    Curtir

  2. Só duas pessoas defendem as reformas da previdencia/trabalhista: o patrão e o otário. Você é o patrão?

    Curtir

  3. Sindicatos só estão contra porque imposto sindical, essa aberração da legislação , não vai ser mais obrigatório e a pelegada vai perder as mordomias, casas na praia, carrões blindados, e por ai vai…..vai acabar a mamata cambada, vão trabalhar, coisa que nunca fizeram na vida, sanguessugas dos trabalhadores.

    Curtir

  4. Heavy Metal Investidor

    Greve de polegada vagabunda, mantida com imposto “sinical” obrigatório. Cambada de ladrões e pelegos, o país um lixo com milhões de desempregados e os petistas fazendo greve. Uma hora a palhaçada acaba. FIM DO IMPOSTO SINDICAL URGENTE! Sem dinheiro, estes mafiosos morrem!

    Curtir

  5. Heavy Metal Investidor

    Pelegada*

    Curtir

  6. Alexandre Lourenço

    Fico pensando aqui comigo qual a seria a verdadeira opinião de muitos que aqui estão comentários depreciativos e muitas vezes preconceituosos se houvesse a possibilidade de cada um ter aquilo que deseja. Ou seja, se um cidadão é a favor de uma reforma da previdência e trabalhista nos moldes que estam sendo propostas, o desejo desse cidadão deveria ser atendido na integra. E quem não concorda/não quer, também deveria ser atendido. Assim penso que seria mais justo, pois acabaria com essa hipocrisia e falsidade de discordar por discordar e se beneficiar dos louros das lutas alheias…

    Curtir

  7. Todos os que defendem esta greve comunista deveriam ser demitidos e presos. Isto é o certo.

    Curtir

  8. Não concordo, é uma greve de sindicatos somente, o povo está fora dessa, só irão os manipulados

    Curtir

  9. Valério Seccadio

    Ô, Lucas. O imposto sindical, obrigatório, para sindicalizados ou ñ, e a contribuição compulsória q ñ dá alternativa de escolha ao trabalhador, são a prova, cabal, de resquícios de um Estado autoritário q teima em se perpetuar. A Previdência deficitária e a longevidade maior de nossa população tornam obrigatória- como países evoluídos já fizeram- a reforma proposta pelo governo do vice-presidente da chapa petista q vc ajudou a eleger. O objetivo dessa reforma “previdência/trabalhista” visa a reerguer nossa economia interna, e nos pôr em condições de concorrer no mercado internacional moderno. Defendo essas reformas como patrão!, sim, q contribuiu durante uma vida para a sustentação desses Estado q, sob a regência do PT, tornou-se, mais ainda, perdulário e corrupto, e com o apoio e aplauso de 3 tipos de pessoas: 1) o ignorante; 2) o tolo; e, 3) o conivente com falcatruas. Você é qual, dos três?

    Curtir

  10. Alex Bongiovanni

    Meu Deus !!!….será que é muito difícil entender o que irá acarretar no futuro próximo se não houver as reformas necessárias ?…..matemática pura !!!

    Curtir