Clique e assine com 88% de desconto

CET começa a multar nas faixas exclusivas para ônibus

Motorista que trafegar na faixa da direita da Av. Paulista, Dr. Arnaldo e Marginal Pinheiros terá de pagar multa de 53,20 reais e perderá três pontos na CNH

Por Da Redação - 22 jul 2013, 11h05

Começa nesta segunda-feira a cobrança de multas para quem desrespeitar a faixa exclusiva para ônibus nas Avenidas Paulista e Doutor Arnaldo, instaladas pela prefeitura no dia 10, além da faixa da Marginal Pinheiros. Quem trafegar com o carro na faixa da direita dessas vias vai ter de pagar multa de 53,20 reais e perderá três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

As faixas da direita da Avenida Paulista são exclusivas para ônibus de segunda-feira a sábado, das 6h às 22h. Na Avenida Dr. Arnaldo, o funcionamento será somente na pista sentido centro, de segunda a sexta-feira, das 6h às 22h, e aos sábados das 6h às 14h. A faixa exclusiva da Marginal Pinheiros funciona das 6h às 9h e das 17h às 20h, de segunda a sexta-feira.

A faixa da Paulista tem dois quilômetros de extensão nos dois sentidos, entre a Praça Oswaldo Cruz e a Rua Augusta. Na Doutor Arnaldo, a área proibida para carros tem 710 metros, no sentido centro. O trecho começa na Rua Galeno de Almeida e acaba 175 metros após a Rua Teodoro Sampaio. Já na Marginal Pinheiros, a faixa tem 21 quilômetros, sendo 11,6 quilômetros no sentido da Rodovia Castelo Branco e 9,4 quilômetros na pista sentido Interlagos.

Leia também:

Publicidade

Gasto com transporte público é inadequado, diz Ipea

Investimentos em transporte estão 50 anos atrasados

De janeiro até agora, a prefeitura instalou cerca de setenta quilômetros de faixas exclusivas para ônibus na cidade. A meta original era de que, até dezembro, o total de faixas instaladas chegaria a 150 quilômetros. Depois dos protestos de rua pela redução das tarifas e por melhorias no transporte público, o prefeito Fernando Haddad (PT) decidiu rever a meta para cima, e a promessa agora é entregar 220 quilômetros.

Embora não tenha apresentado, até agora, nenhum estudo mostrando a melhoria trazida pelo uso dessas vias, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) estima que as faixas exclusivas possam melhorar em até 20% a velocidade média dos ônibus. Os coletivos da prefeitura circulam, em média, a 13 km/h nos horários de pico. A promessa é que, até 2016, essa velocidade seja de 25 km/h.

Publicidade

Nova faixa – Nesta segunda, também começam a funcionar novas faixas exclusivas, em caráter educativo (ainda sem cobrança de multas), na Lapa, Zona Oeste, e na Vila Prudente, Zona Leste.

Na Lapa, a faixa fica Rua Brigadeiro Gavião Peixoto, entre a Rua Barão da Passagem e a Avenida Mercedes, totalizando 500 metros de extensão, aumentando a faixa que já existe ali. Na Vila Prudente, a faixa fica na Rua Ibitirama, entre a Rua José dos Reis e a Avenida Prof. Luiz Ignácio de Anhaia Melo. As faixas funcionam de segunda a sexta-feira.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade